Arquivo de tag sindicato dos lotéricos

porEdy Fernando

Conheça os Treinamentos Oferecidos pela Caixa para o Empresário Lotérico

Conheça os Treinamentos Oferecidos pela Caixa para o Empresário Lotérico

A Caixa oferece ao empresário Lotérico serviços de assistência e consultoria, bem como Treinamentos e cursos. Estes são desenvolvidos com o objetivo de melhorar a gestão e desempenho das Unidades Lotéricas.

Veja com esse artigo como a Caixa oferece esses treinamentos aos empresários Lotéricos, bem como os temas que são abordados.

O que é o Treinamento Oferecido pela Caixa

Conforme a Circular n. 694/2021, a Caixa oferece aos Empresários Lotéricos os serviços de assistência e consultoria, bem como fornece orientações e ministra treinamentos. Além das demais orientações que são necessárias para as atividades das Unidades Lotéricas.
Também é uma responsabilidade da Caixa a implementação de inovações operacionais, que são indispensáveis para a melhoria da gestão e desempenho do negócio Lotérico.
Nesse sentido, a Caixa realiza periodicamente Treinamentos e cursos que a Permissionária deve obrigatoriamente participar sempre que for convocada. Sendo importante esclarecer que estes podem ser ministrados em qualquer local, em datas e períodos fixados.
As despesas decorrentes de transporte, hospedagem, alimentação e outras não ligadas diretamente ao treinamento são de responsabilidade da Permissionária.
Nestes treinamentos e/ou cursos, a Permissionária recebe da Caixa, as informações de cunho operacional, bem como demais documentos essenciais.
De fato, são documentos que definem as diretrizes, os procedimentos e as normas básicas da permissão Lotérica e dos serviços prestados pela Rede de Unidades Lotéricas. No caso de alterações ou atualizações destes documentos, serão repassadas à Unidade Lotérica.

Além disso, cabe a Permissionária estar continuamente buscando aprimorar no desempenho de suas atividades e pessoal, por intermédio de cursos ou treinamentos, que podem ser indicados pela Caixa.

Conheça os temas dos treinamentos ministrados pela Caixa

Nos Treinamentos e cursos ministrados pela Caixa para o empresário Lotérico são tratados assuntos relacionados com a natureza empresarial da Unidade Lotérica. Nesse sentido, conforme uma carga horária previamente estabelecida são enfatizados os aspectos: 

  • Gerencial;
  • Administrativo;
  • Financeiro;
  • Contábil;
  • Recursos Humanos;
  • Marketing e Vendas.

É interessante esclarecer que existem módulos direcionados tanto para o empresário Lotérico quanto para os seus funcionários. Sendo que o treinamento inicial constitui uma obrigação contratual da Caixa.

Converse com o SINLOPAR para entender sobre rotina da Casa Lotérica

Para quem deseja ter um negócio Lotérico, é importante entender como funciona a rotina da Casa Lotérica, ou seja, o seu dia a dia. Uma vez que tanto realiza a comercialização de modalidades Lotéricas quanto a prestação de serviços autorizada pela Caixa.
Por isso, além das informações apresentadas sobre Treinamentos, é interessante fazer contato com o sindicato dos Lotéricos, SINLOPAR. Uma vez que este tem condições de fornecer todas as orientações necessárias para sua atuação nesse segmento de mercado.
Assim como oferece assessoria jurídica e contábil para os proprietários de Casas Lotéricas, que a partir desse suporte podem realizar seus controles financeiros com mais segurança.
Portanto, é fácil perceber como é muito interessante e vantajoso conhecer mais de perto sobre o negócio Lotérico. Principalmente pelas garantias oferecidas e o retorno do investimento no curto prazo.
Se quiser mais informações a respeito do tema ou tiver alguma dúvida, estamos à sua disposição.
Somos uma entidade jurídica representativa dos Lotéricos do Paraná e temos o intuito de apoiar e orientar estes para alavancarem os seus negócios de forma assertiva.

Acesse o nosso site e conheça tudo que temos feito para apoiar os nossos afiliados.

Referências

https://www.in.gov.br/web/dou/-/circular-caixa-n-964-de-21-de-dezembro-de-2021-369394836

https://www.caixa.gov.br/compras-caixa/licitacoes-lotericas/perguntas-frequentes/Paginas/default.aspx

porEdy Fernando

O que é o Regime de Permissão para Abertura de uma Casa Lotérica?

O que é o Regime de Permissão para Abertura de uma Casa Lotérica?

Para ter acesso ao negócio Lotérico é preciso obter uma autorização formal prévia da Caixa Econômica, que é estabelecida pelo Regime de Permissão. Visto que este dispõe sobre a regulamentação e normas da relação comercial a ser estabelecida entre as partes.

Entenda com esse artigo o que é o Regime de Permissão, bem como os serviços que podem ser executados pelo Empresário Lotérico com a delegação da Caixa.

O que é o Regime de Permissão

O Regime de Permissão estabelece os termos da relação comercial entre a Caixa e o Empresário Lotérico. Nesse sentido, a Circular Caixa n. 964/2021 trata da regulamentação das Permissões Lotéricas, estabelecendo os seguintes termos:

Loterias Federais

“Produtos Lotéricos administrados pela CAIXA, comercializados por meio da Rede de Distribuição de Loterias e canais digitais administrados exclusivamente pela CAIXA. Dividem-se em Loterias de Prognósticos e Loterias de Bilhetes”.

Permissão Lotérica

“é a outorga, a título precário, mediante licitação, da prestação de serviços públicos feita pela Caixa, na qualidade de poder outorgante à pessoa física ou jurídica que demonstre capacidade para seu desempenho, por sua conta e risco, para comercializar todas as Loterias federais e os produtos autorizados, bem como para atuar na prestação de serviços delegados pela outorgante, nos termos e condições definidos pela legislação e normas reguladoras vigentes”.

Permissionária de Loterias

“é a pessoa física e jurídica que firma Contrato de Permissão de Loterias com a CAIXA”.

Outorgante de Serviços Lotéricos:

“é a CAIXA Econômica Federal, na forma da Lei n. 12.869, de 15 de outubro de 2013”.

Unidades Lotéricas

“Pessoa jurídica responsável pela permissão outorgada pela CAIXA, nas categorias Casa Lotérica, Casa Lotérica Avançada, Casa Lotérica Avançada Temporária e Unidade Simplificada de Loterias”.

É de responsabilidade da Caixa definir as diretrizes para estabelecer as Permissões, bem como a distribuição de bilhetes e de equipamentos e/ou terminais. Sendo que estes são necessários para a execução das atividades delegadas à Rede de Unidades Lotéricas.

Para que uma Permissão Lotérica seja concedida, a Caixa leva em conta os seguintes fatores para a sua avaliação:

  • Potencial de Mercado;
  • Disponibilidade de equipamentos e/ou terminais;
  • Bilhetes da modalidade Loteria Federal;
  • Possibilidade de eficiência na execução dos serviços delegados.

Modalidades de Loterias conforme a Circular n. 694/2021

De acordo com a Circular n. 964/2021, que dispõe sobre o Regime de Permissão, os produtos Lotéricos são classificados da seguinte forma:

1º – Loterias de Bilhetes

Nesta modalidade, encontra-se a Loteria Federal com uma quantidade prefixada de bilhetes numerados, que são premiados a partir de um sorteio realizado pela Caixa.

2º – Loteria de Prognósticos

Nesta modalidade, estão classificadas três formas para realizar a Loteria de prognósticos, que são:

2.1 – Numéricos: indica o prognóstico em um universo de números inteiros definido e um mês de sorte, como a Loteria da Sorte;
2.2 – Esportivos: indica o prognóstico sobre os resultados de competições esportivas;
2.3 – Específica: é o caso da Timemania, que combina a indicação de números com um clube de futebol.

A prestação de serviços para a Unidade Lotérica

A Caixa delega para a Permissionária, no Regime de Permissão, a função de correspondente para as seguintes modalidades:

  • Serviços delegados;
  • Comercialização de produtos conveniados.

A Permissionária deve realizar esta delegação de forma exclusiva, além de ser proibida de executar serviços não autorizados previamente pela Caixa. Assim como assumir obrigações similares ou idênticas com qualquer outra instituição financeira. 

Atuação da Permissionária como Correspondente no país

Na função de correspondente no país, a Permissionária atua com os produtos do portfólio da Caixa, conforme as diretrizes, padrões e especificações previamente estabelecidos.
Para os serviços de correspondente do CAIXAAQUI Negocial, a Caixa pode realizar a classificação periódica da Permissionária em grupos. Para isso leva em consideração a produtividade obtida nos negócios realizados, visando a gestão e remuneração.
Além disso, é interessante salientar que os critérios para o enquadramento e normas aplicáveis são estabelecidos exclusivamente pela Caixa.

Veja os produtos e serviços conveniados ou delegados

No Regime de Permissão, os serviços conveniados ou delegados que a Permissionária pode exercer, conforme autorização concedida pela Caixa, são os seguintes:

  • Comercialização de produtos Lotéricos;
  • Recebimento de contas de concessionárias (água, luz e telefone);
  • Recebimento de Carnês, prestações, faturas e documentos de diversos convênios;
  • Serviços financeiros na qualidade de correspondentes da Caixa, nos termos autorizados pelo Banco Central, inclusive Pix (pagamento instantâneo);
  • Pagamentos dos Benefícios da Rede de Proteção Social, para o atendimento da população.

Maiores detalhes do Regime de Permissão com o SINLOPAR

Para quem deseja ter um negócio Lotérico, é importante entender como funciona o Regime de Permissão que define a relação comercial entre a Caixa e o Empresário Lotérico.
Por isso, além das informações apresentadas, é interessante fazer contato com o sindicato dos Lotéricos, SINLOPAR. Uma vez que este tem condições de fornecer todas as orientações necessárias para sua atuação nesse segmento de mercado.
Assim como oferece assessoria jurídica e contábil para os proprietários de Casas Lotéricas, que a partir desse suporte podem realizar seus controles financeiros com mais segurança.
Portanto, é fácil perceber como é muito interessante e vantajoso conhecer mais de perto sobre o negócio Lotérico. Principalmente pelas garantias oferecidas e o retorno do investimento no curto prazo.
Se quiser mais informações a respeito do tema ou tiver alguma dúvida, estamos à sua disposição.
Somos uma entidade jurídica representativa dos Lotéricos do Paraná e temos o intuito de apoiar e orientar estes para alavancarem os seus negócios de forma assertiva.

Acesse o nosso site e conheça tudo que temos feito para apoiar os nossos afiliados.

Referências 

https://www.in.gov.br/web/dou/-/circular-caixa-n-964-de-21-de-dezembro-de-2021-369394836

https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/circular-n-621-de-19-de-abril-de-2013-30537106

https://www.caixa.gov.br/site/paginas/downloads.aspx#categoria_180

https://www.caixa.gov.br/compras-caixa/licitacoes-lotericas/perguntas-frequentes/Paginas/default.aspx

porEdy Fernando

Veja qual é o Papel da Caixa Econômica no Negócio Lotérico

Veja qual é o Papel da Caixa Econômica no Negócio Lotérico

Saiba que a Caixa Econômica é a instituição responsável pelo gerenciamento das Loterias federais do país. Para isso desenvolve toda a regulamentação para realizar os processos licitatórios, sorteios e pagamento de prêmios.
Entenda com esse artigo como a Caixa desenvolve a gestão da rede de Loterias federais do país, bem como estabelece o relacionamento com os empresários Lotéricos.

Por que a Caixa Econômica que gerencia as Loterias Federais

A Caixa Econômica Federal com decreto n. 50.954, de 14 de julho de 1961, recebeu a incumbência da administração das Loterias do país. De acordo com o decreto, a receita líquida das Loterias deveria ser recolhida a um fundo especial.
Tal fundo foi criado com a finalidade de financiar serviços públicos municipais de saneamento, assistenciais e de educação.
No entanto, apenas a partir do decreto n. 1146, de 6 de junho de 1962, a Caixa recebeu a transferência da administração das Loterias. Desse modo, o primeiro sorteio sob a sua administração ocorreu em 15 de setembro de 1972, com prêmio de 15 milhões de cruzeiros.
A partir disso, ao longo dos anos foram sendo criados os diversos jogos existentes atualmente, que constituem a rede Lotérica federal do país.

O que é uma unidade lotérica gerenciada pela Caixa

A Unidade Lotérica é uma empresa que realiza a comercialização de todas as Loterias federais e os produtos devidamente autorizados. Além de atuar na prestação de serviços que são delegados pela Caixa Econômica, de acordo com os termos e condições estabelecidos em lei e normas reguladoras vigentes.

A Lei 12.869/2013 trata do exercício da atividade, bem como da remuneração do permissionário Lotérico e dá outras providências.

Além disso, é importante esclarecer que outros tipos de atividades comerciais só podem ser desenvolvidas por uma Unidade Lotérica atendendo às seguintes condições:

  • Não concorrem com as atividades exercidas pela rede de casas Lotéricas (produtos Lotéricos e prestação deserviços de correspondente);
  • Não comprometem a imagem da Caixa e são aderentes aos produtos de Loterias. 

A constituição da CAIXA Loterias S.A.

A CAIXA Loterias S.A. é uma sociedade por ações, constituída pelo Conselho de Administração da Caixa, pela resolução 253, de 01 de outubro de 2015. A partir de 19 de janeiro de 2016, tornou-se subsidiária integral da Caixa Econômica Federal.
O objetivo da CAIXA Loterias é administrar os serviços das Loterias federais, com exclusividade no país, nos termos da legislação vigente.

A gestão da Caixa Econômica da Rede Lotérica

Para desenvolver a gestão da rede Lotérica do país, a Caixa Econômica estabelece as normas e regulamentos para funcionamento do negócio Lotérico, dos sorteios e premiações.
Para isso, a relação comercial da Caixa e o empresário Lotérico ocorre pelo Regime de Permissão. Tal regime é regulado pela Circular Caixa n. 694/2021, dispondo sobre a regulamentação das Permissões Lotéricas.
A Caixa para otimizar o gerenciamento das Permissionárias, pode estabelecer uma metodologia de Avaliação de Desempenho. De fato, o propósito é o de obter dados para mensurar o desempenho e o alcance dos resultados esperados pela Unidade Lotérica.
Nesse sentido, a Permissionária precisa alcançar no mínimo 70% da meta anual estabelecida para o seu negócio Lotérico. Se por acaso não alcançar esse patamar, deve apresentar uma justificativa e respectivo plano de ação de melhoria do desempenho.
É importante esclarecer que a Permissão pode vir a ser revogada caso a Permissionária não alcance um faturamento mínimo. Ou seja, o suficiente para cobrir os seguintes custos operacionais com fornecimento e manutenção:

  • Sistemas e equipamentos;
  • Telecomunicação;
  • Insumos;
  • Demais despesas incorridas pela Caixa para o funcionamento da Casa Lotérica.

Cabe à Caixa oferecer assistência para a Permissionária em suas atividades Lotéricas. Isto é, por meio de determinação de diretrizes, repasse de conhecimento e experiência sobre os seguintes aspectos:

  • Processos e Procedimentos administrativos e operacionais
  • Comercialização de produtos
  • Atuação como Correspondente no país;

Também é de responsabilidade da Caixa, a expedição de ofícios, manuais e instruções com o objetivo de permitir a uniformização da atuação e padronização da rede Lotérica. Além de buscar o aprimoramento dos produtos e serviços oferecidos.

Entenda mais sobre a Gestão das Loterias da Caixa com o SINLOPAR

Para quem deseja ter um negócio Lotérico, é importante entender em detalhes como a Caixa Econômica realiza a gestão do negócio Lotérico. Por isso, além das informações apresentadas, é interessante fazer contato com o sindicato dos Lotéricos, SINLOPAR.
Pois, este tem condições de fornecer todas as orientações necessárias para sua atuação nesse segmento de mercado.
Assim como oferece assessoria jurídica e contábil para os proprietários de Casas Lotéricas, que a partir desse suporte podem realizar seus controles financeiros com mais segurança.
Portanto, é fácil perceber como é muito interessante e vantajoso conhecer mais de perto sobre o negócio Lotérico. Principalmente pelas garantias oferecidas e o retorno do investimento no curto prazo.
Se quiser mais informações a respeito do tema ou tiver alguma dúvida, estamos à sua disposição.
Somos uma entidade jurídica representativa dos Lotéricos do Paraná e temos o intuito de apoiar e orientar estes para alavancarem os seus negócios de forma assertiva.
Acesse o nosso site e conheça tudo que temos feito para apoiar os nossos afiliados.

Referências

https://www.caixa.gov.br/compras-caixa/licitacoes-lotericas/perguntas-frequentes/Paginas/default.aspx#unidade-loterica

https://www.caixa.gov.br/Downloads/caixa-etica/Cod_conduta_loterias_Caixa.pdf

https://www.caixa.gov.br/site/paginas/downloads.aspx#categoria_180

 

porEdy Fernando

Como Funciona o Processo Licitatório de Unidade Lotérica da Caixa?

Como Funciona o Processo Licitatório de Unidade Lotérica da Caixa?

Para a abertura de uma Casa Lotérica é preciso obter a autorização formal da Caixa Econômica Federal. Sendo que esta é concedida a partir de um Processo Licitatório com critérios preestabelecidos em edital e regulamentada pelo Regime de Permissão.
Veja neste artigo como funciona um processo de licitação para abertura de um negócio Lotérico, bem como quem pode participar, documentos necessários e exigências.
Como ocorre o processo licitatório para uma Casa Lotérica
Saiba que todo o processo licitatório é desenvolvido pela Caixa Econômica Federal, seguindo critérios definidos em edital e de acordo com a regulamentação permissionária.
Vamos explicar os passos para que esse processo de licitação seja desenvolvido, conforme as informações disponibilizadas no site da Caixa Econômica:

1º – Estudo das necessidades de mercado e divulgação do edital

O primeiro passo do Processo Licitatório para abertura de novas casas Lotéricas, é o estudo desenvolvido pela Caixa Econômica das necessidades do mercado. A partir desse estudo a Caixa pode definir os seguintes pontos:
o município que tem necessidade de uma nova Casa Lotérica;
o tipo de unidade Lotérica a ser autorizada;
o local para instalação;
a demanda e necessidade de atendimento.
Com esses aspectos definidos, a Caixa divulga o edital para o processo de seleção aos interessados em abrir um negócio Lotérico.

2º – Critérios para participar do processo licitatório

De acordo com o edital, podem participar do Processo Licitatório as pessoas físicas ou jurídicas, nos termos da lei 12.869/2013. Também devem ter concluído, no mínimo, o ensino fundamental e serem maiores de idade. Uma exceção é feita para o menor emancipado.
A proposta deve ser apresentada utilizando apenas um CPF ou CNPJ, não admitindo participação em caráter coletivo.

3º – Documentação Exigida para o Processo Licitatório

Os documentos necessários estão especificados no edital e podem ser apresentadas cópias, desde que tenham sido autenticadas em cartório. Ou então mediante a apresentação dos originais e cópias, um funcionário da Caixa pode autenticar com carimbo.
Em termos gerais, os documentos solicitados em um edital são os seguintes:

1º – Participante Pessoa Física: cópia autenticada da Carteira de Identidade e do CPF; certidão negativa de execuçãopatrimonial – Justiça estadual no domicílio da Pessoa Física.

2º – Participante Pessoa Jurídica: balanço patrimonial, se for o caso; cadastramento e habilitação parcial no Sistemade Cadastramento Unificado de Fornecedores – SICAF, comprovado na sessão de abertura do envelope de documentação.

Tanto para participante pessoa física quanto jurídica deve ser preenchido e entregue o anexo 1 do edital vigente. 

4º – Critérios de Seleção dos Participantes na Licitação

Estes critérios podem variar conforme o edital das licitações são publicados a cada ano. Em termos gerais, os fatores considerados em editais anteriores foram os seguintes:

  • localização, visibilidade e acessibilidade da loja;
  • quantidade de bilhetes da Loteria instantânea a ser comercializada;
  • grau de instrução dos sócios;
  • participação em treinamentos;
  • experiência de trabalho anterior;
  • lance mínimo realizado pelo candidato.

De acordo com a Circular 964/2021, o lance mínimo para a Casa Lotérica é de R$ 10 mil.

5º – Resultado do Processo Licitatório

O resultado é publicado na Imprensa Oficial e na página da Caixa na internet logo após a homologação pela instituição. Sendo que a homologação é o ato de confirmação da regularidade e do resultado do processo licitatório realizado.
Dependendo de cada edital e a critério da Caixa, os candidatos selecionados podem receber, ainda, convocação direta expedida pela Caixa.
O candidato selecionado deve efetuar o pagamento do lance mínimo apresentado no Processo Licitatório para dar prosseguimento e assinar o Pré-contrato.

6º – Convocação dos Selecionados para Assinatura do Pré-contrato

A Caixa convoca os candidatos selecionados para realizarem a assinatura do Pré-contrato após a confirmação do pagamento do valor do lance mínimo ofertado.
A finalidade do Pré-contrato é estabelecer o prazo para que as exigências sejam atendidas para a formalização do Contrato de Adesão. Normalmente, esse prazo é de 60 dias.
Existem algumas condições que são para a efetiva contratação e o início das atividades das Unidades Lotéricas, que são as seguintes conforme a Circular 964/2021:

  • Comprovar a regularidade constituição da empresa com CNPJ e cópia do Contrato Social ou atos constitutivos;
  • Comprovar abertura de contas correntes, devidamente ativas/regularizadas;
  • Comprovar a garantia exigida pela CAIXA, relacionada ao seguro de valores e de equipamentos, conforme item item 15;
  • Padronizar a loja conforme a padronização visual e ambiental estabelecida pela Caixa, conforme item 24.2;
  • Instalar os equipamentos de segurança e microinformática, conforme item 19.2;
  • Participar do treinamento para novas Permissionárias, conforme convocação da Caixa, item 18

É interessante observar que o candidato selecionado pode escolher a seguradora de sua preferência, desde que atenda as exigências estabelecidas em cláusulas pela Caixa. Além disso, a Caixa aceita que o seguro seja substituído por um depósito sob caução na própria instituição.

7º – Convocação dos Selecionados para Assinatura do Contrato de Adesão

O Contrato de Adesão é o documento que consta a especificação dos direitos e deveres da Caixa e dos Empresários Lotéricos contratados no Regime de Permissão. Após a assinatura do contrato, as Casas Lotéricas estão autorizadas para o início das atividades.
De acordo com a Circular 964/2021, o prazo de vigência do contrato de Permissão é de 20 vinte (20) anos, tendo renovação automática pelo mesmo período de tempo.

Saiba mais Sobre a Licitação da Caixa com o SINLOPAR

Para quem está interessado em começar um negócio Lotérico, é muito importante conhecer em detalhes o processo licitatório para unidade Lotérica realizado pela Caixa.
Saiba que o Sindicato dos Lotéricos tem condições de fornecer todas as orientações necessárias para sua participação na licitação com sucesso.
Assim como oferece assessoria jurídica e contábil para os proprietários de Casas Lotéricas, que a partir desse suporte podem realizar seus controles financeiros com mais segurança.
Portanto, é fácil perceber como é muito interessante e vantajoso entender como funciona o processo de licitação da Caixa. Principalmente pelas garantias que o negócio oferece e o retorno do investimento no curto prazo.
Se quiser mais informações a respeito do tema ou tiver alguma dúvida, estamos à sua disposição.
Somos uma entidade jurídica representativa dos Lotéricos do Paraná e temos o intuito de apoiar e orientar estes para alavancarem os seus negócios de forma assertiva.

Acesse o nosso site e conheça tudo que temos feito para apoiar os nossos afiliados.

Referências
https://www.caixa.gov.br/compras-caixa/licitacoes-lotericas/perguntas-frequentes/Paginas/default.aspx#licitacao

porEdy Fernando

Vale a Pena Comprar uma Casa Lotérica em Funcionamento?

Vale a Pena Comprar uma Casa Lotérica em Funcionamento?

Se você quer começar um novo negócio, saiba que uma boa oportunidade é comprar uma Casa Lotérica já em funcionamento. Isto porque este é modelo de negócios que oferece diversas vantagens, além de ser um dos mais seguros do mercado.
Entenda com esse artigo os fatores que comprovam que é um bom negócio comprar uma Casa Lotérica em funcionamento.
Veja as vantagens de comprar uma Casa Lotérica em atividade
O negócio Lotérico tem suas próprias características, que o diferenciam dos demais modelos de empreendimentos, tornando-o muito atrativo e com lucratividade assegurada.
Vamos indicar algumas das vantagens que justificam a opção de comprar uma Casa Lotérica já instalada e funcionando.

1ª – Simplicidade do modelo de negócios

Para começar é importante salientar a simplicidade das operações rotineiras de uma Casa Lotérica se comparadas com o dia a dia de outras empresas. Isto porque não é necessário lidar com questões como estoques, processo produtivo e fornecedores diversos.
Por ser um negócio que realiza as transações comerciais com pagamentos à vista, não precisa se preocupar com calotes ou inadimplência dos clientes. Nesse sentido, também não necessita ter um setor de cobrança para essa finalidade. 
Além do fato de que comprar uma Casa Lotérica já em atividade, é muito mais prático e rápido. Isto porque tanto o estudo e análise da necessidade do negócio na localidade escolhida quanto a participação na licitação para abertura do negócio já foram realizados.
Portanto, a parte burocrática do empreendimento já está resolvida, cabendo ao empreendedor gerenciar as demandas e negociações das operações do dia a dia.
2ª – Produtos e serviços conhecidos e procurados pela população
Isso é uma grande vantagem que o negócio Lotérico possui, pois os seus produtos e serviços já fazem parte da vida da população e são muito demandados. Principalmente, quando a Casa Lotérica já está em atividades e conta com uma clientela constituída.
Desse modo, os investimentos em marketing para divulgação do negócio é muito menor do que em outras atividades empresariais.

3ª – Gestão da Caixa Econômica Federal

Esta é uma grande vantagem do negócio Lotérico, principalmente para uma Casa Lotérica já em funcionamento. Pois, a Caixa Econômica estabelece as diretrizes e orienta o desenvolvimento de todo o negócio, dando maior assertividade ao processo.
Como o negócio já está em atividade, é de se esperar que os processos internos estejam estruturados e o pessoal treinado e capacitado para atender a clientela com qualidade. Inclusive, a gestão financeira já é realizada com indicadores de desempenho calculados.
Principalmente, permite o cálculo do retorno do investimento com dados reais do faturamento mensal do negócio. Assim como o retorno do investimento ocorrerá em um prazo muito menor do que se estivesse iniciando um negócio do zero.

4ª – Apoio e Orientação do Sindicato dos Lotéricos SINLOPAR

Este é um ponto de fundamental importância e que garante tranquilidade para comprar uma Casa Lotérica em funcionamento. Isto porque o Sindicato dos Lotéricos tem condições de fornecer todas as orientações necessárias para a gestão do empreendimento.
Assim como oferece assessoria jurídica e contábil para os proprietários de Casas Lotéricas, que a partir desse suporte podem realizar seus controles financeiros com mais segurança.
Portanto, é fácil perceber como é muito interessante e vantajosa a aquisição de uma Casa Lotérica já em funcionamento, principalmente pelas garantias que o negócio oferece e o retorno do investimento no curto prazo.
Se quiser mais informações a respeito do tema ou tiver alguma dúvida, estamos à sua disposição.
Somos uma entidade jurídica representativa dos Lotéricos do Paraná e temos o intuito de apoiar e orientar estes para alavancarem os seus negócios de forma assertiva.
Acesse o nosso site  e conheça tudo que temos feito para apoiar os nossos afiliados.

Referências:

https://dernegocios.com.br/comprar-loterica-e-lucrar-mais-de-r-10-mil-sem-passar-por-licitacao-saiba-como/

https://loteriasenegocios.com.br/investir-em-loteria-vale-a-pena-em-2021/

https://blog.queroumnegocio.com.br/por-que-vale-a-pena-investir-numa-loterica-a-venda/

https://blog.queroumnegocio.com.br/lotericas-a-venda-tudo-que-voce-precisa-saber-antes-de-comprar-a-sua/

https://4maos.com.br/como-abrir-uma-loterica/