Como devo me posicionar diante de conflitos na minha equipe?

porNeimar Mariano Arruda

Como devo me posicionar diante de conflitos na minha equipe?

Como devo me posicionar diante de conflitos na minha equipe?

 

Os conflitos na equipe em um ambiente de trabalho sempre irão acontecer, seja entre as operadoras de caixa, ou até mesmo entre operadoras e a gestão da lotérica. Porém, é preciso trabalhar corretamente para que essa prática não se torne rotineira, ao ponto de você não conseguir organizar sua casa lotérica. Isso é perigoso!

Até onde o lotérico precisa ir para resolver os conflitos na equipe? Quais práticas devem ser adotadas? Será que terapias são bem-vindas? Se você possui conflitos entre os seus colaboradores e quer resolver esses problemas, continue acompanhando o artigo e saiba como. Boa leitura!

 

O que pode causar conflitos na equipe?

Trabalhar de forma assertiva é um dos pontos chave para evitar que os conflitos na equipe ocorram. Porém, nem sempre isso é possível. Mesmo sem querer, quando você está tentando acertar, pode acabar acontecendo um conflito. Para reverter a situação, você precisa saber o que pode causar esses problemas.

Mudanças

Mudanças de equipamentos, valores, sistema, estruturas. Qualquer tipo de mudança dentro da sua lotérica pode fazer com que aconteça conflitos na equipe. Isso ocorre porque a equipe pode não reagir bem a nova realidade, causando desconforto entre os funcionários.

Recursos limitados

Em determinado momento, pode ser necessário enxugar os recursos para que você consiga lucrar com sua casa lotérica. Quando esses recursos se tornam muito limitados, os conflitos podem acontecer. Os funcionários podem se sentir lesados, pelo trabalho estar sendo dificultado. Com isso, eles podem acabar ficando desmotivados, causando conflitos.

 

Embate entre metas e objetivos

Pode acontecer de você querer resolver um problema de uma parte da sua equipe e o outro lado não entender muito bem a situação. As divergências acontecem quando o gestor prioriza uma equipe e esquece da outra. Seus colaboradores podem se sentir desmerecidos, ocasionando assim, um conflito.

Mas, afinal, como os conflitos na equipe podem ser resolvidos?

 

Tenha boas práticas de liderança

Líder e chefe não são a mesma coisa. Chefe é quem impõe, líder é quem delega. É importante que você seja um líder na sua lotérica, sendo um referencial para os seus colaboradores. Para isso, é importante que você realize boas práticas de liderança.

Tenha empatia e saiba se colocar no lugar do outro, aprenda a ouvir, não imponha seus conceitos sem antes ouvir o que o seu colaborador tem para falar. É importante que você esteja aberto para entender o colaborador, de forma a mediar o conflito para que ele não volte a acontecer.

 

Não ignore o conflito

Fingir que o conflito não aconteceu não vai resolver a situação. É como se você estivesse “jogando a poeira para debaixo do tapete”. Isso não se faz, principalmente em sua empresa lotérica. É preciso enfrentar a situação para que o problema seja solucionado.

Acredite: fingir que o problema não aconteceu, não fará com que o problema desapareça. Pelo contrário, ele só vai aumentar, podendo chegar em um ponto que fugirá do seu controle. Encare o conflito como um grande líder.

Sua postura pode ser uma forma de combater os conflitos, evitando que eles aconteçam futuramente. É preciso que você mostre quem está no comando. Quando você “tapa o sol com a peneira”, você pode abrir brechas para que novos conflitos aconteçam. Por isso, não menospreze a situação.

 

Permita uma pausa entre os colaboradores

Imagine que o conflito ocorreu entre duas de suas colaboradoras que trabalham no caixa. Não tente conversar com as duas enquanto ainda estiverem estressadas. Você pode acabar piorando a situação. Nesse momento, permita que seus colaboradores façam uma pausa e se acalmem para só depois tentarem dialogar.

De cabeça quente nada se resolve, aliás, normalmente piora. Dar um tempo para que as partes se acalmem não significa que você está querendo evitar resolver o conflito. Você apenas está pensando na melhor forma de resolver a situação, com boas condições, para que a conversa flua melhor.

Faça isso e invista em uma boa comunicação. Essas práticas aliadas podem fazer com que os problemas sejam resolvidos com mais clareza.

 

Espero que tenha ajudado você a compreender ainda mais em como se aproximar e se posicionar para superar os conflitos na equipe. Faça sua parte para que a harmonia permaneça na sua casa lotérica e tudo fluirá com mais solidez. Caso tenha dúvidas, entre em contato comigo, terei satisfação em ajudar.

 

 

 

Neimar Mariano de Arruda
Consultor Lotérico e Fundador da DouraSoft
cliente@dourasoft.com.br
(67) 9.9698-3422

 

 

Quer melhorar a gestão da sua lotérica?
Conheça o único sistema de Gestão Blindado para Lotéricas. O AGIL

porNeimar Mariano Arruda

Atestado médico falso: como identificar?

Atestado médico falso: como identificar?

 

Para justificar uma falta no trabalho, o seu colaborador pode mostrar uma série de documentos que comprovam o motivo da falta. Isso vai desde exames que mostram que o funcionário foi para uma consulta, assim como também o atestado médico.

Apresentando esses documentos, o funcionário possui suas faltas justificadas e garante que nada seja descontado do seu salário. Porém, há sempre aqueles funcionários que agem de má fé e conseguem atestados duvidosos. Nesses casos, é necessário ficar atento para que as providências sejam tomadas.

Pensando nisso, preparamos esse artigo para você com tudo o que você precisa saber para identificar se o atestado médico é verdadeiro ou não. Acompanhe o post para saber mais e boa leitura!

 

Como saber se o atestado médico é verdadeiro

Infelizmente, a prática de atestados médicos falsos cresce a cada dia. Para evitar que você seja enganado pelo seu colaborador, você precisa saber como identificar a veracidade desse documento.

Para garantir a legitimidade de um atestado médico, é preciso que ele venha com algumas informações. Por exemplo, alguns médicos fazem uso de um carimbo que fica no lugar da assinatura. Saiba que aquele carimbo não é obrigatório. Mas tem muitas outras informações que precisam constar. Abaixo você confere todas.

 

Nome do médico

Obviamente, se o colaborador foi para o hospital por motivo de doença, ele foi atendimento por algum médico. Por isso, é importante que no atestado médico tenha, de forma legível, o nome do médico que atendeu o seu funcionário.

 

Número de registro do médico no Conselho de Medicina

Outro dado que é importante e que comprova que o atestado médico é verdadeiro é o número de registro do médico. O CRM do médico mostra que ele realmente faz parte da categoria, de forma a comprovar que as informações são verdadeiras.

 

Assinatura do médico

Como falei anteriormente, o carimbo não é algo necessário. Mas todos os médicos, ao darem um atestado, devem assinar o documento como forma de garantir que aquela consulta foi feita por ele.  

 

Local e data de atendimento

Outro item que deve constar no atestado médico é o local e a data em que o funcionário foi atendido. Esse horário deve estar dentro do período em que ele se manteve afastado por motivo de doença.

 

O motivo do afastamento

Também é necessário constar no atestado o motivo que levou o funcionário a se afastar das suas atividades na lotérica. O motivo deve vir discriminado juntamente com os outros documentos que o colaborador apresentar.

Fora isso, o atestado médico também deve esclarecer o período que o colaborador precisa ficar afastado de suas atividades na lotérica.

 

Validação do atestado médico

Como deu para perceber, vários itens devem constar em um atestado para comprovar que ele é verdadeiro. Vejamos mais alguns detalhes sobre isso.

Pontos essenciais de um atestado médico

  • Papel timbrado;
  • Data e hora do atendimento;
  • Nome completo do colaborador;
  • Motivo da ausência;
  • Nome do médico de forma legível;
  • Assinatura do médico;
  • CRM;

Vale ressaltar que o código CID, Classificação Internacional de Doenças, não é obrigatório. Porém se você especificar em regulamento interno (Veja este vídeo) com ciência do funcionário, ele pode se tornar essencial em afastamentos por questões de saúde.

 

O que fazer caso seja comprovado que o atestado médico é falso?

Especialistas aconselham que, nesses casos, a maior penalidade seja aplicada. Porém, essa decisão só deve ser tomada caso seja realmente comprovado que o atestado é falso. Por isso, é importante garantir essa informação com cuidado e atenção.

Se a empresa suspeitar que o atestado não é verdadeiro, pode chamar o colaborador para conversar. É importante que na hora da conversa, tenha uma testemunha na sala. Normalmente, ao conversar, o colaborador admite que o documento não é verdadeiro.

Se a fraude for comprovada, a lotérica precisa demitir o colaborador. Caso não o faça, esse tipo de atitude pode ser classificado como perdão tácito.

 

Espero que você tenha entendido como identificar se o atestado médico é ou não verdadeiro. Sempre tome as providências necessárias para que casos assim não aconteçam na sua lotérica.

 

 

 

Neimar Mariano de Arruda
Consultor Lotérico e Fundador da DouraSoft,
(67) 9.9698-3422

 

 

Quer melhorar a gestão da sua lotérica?
Conheça o único sistema de Gestão Blindado para Lotéricas. O AGIL

porNeimar Mariano Arruda

SINLOPAR INFORMA – Isenção Tarifas conta corrente PJ

VOCÊ SABIA???

O Empresário Lotérico possui isenção de algumas tarifas da conta corrente PJ – Operação 003 vinculada à conta contábil 043.

As UL são isentas de tarifas de cadastro, manutenção de conta, saque, TEV e depósito.

Lembramos que as UL não devem aderir à Cesta de Serviço, pois a adesão provoca a cobrança das tarifas de saque e depósito.

Em monitoramento recente das contas 003, efetuado pela GERPA, identificamos a cobrança indevida de algumas dessas tarifas.

A orientação de estorno foi repassada à todas agências e devem ser finalizadas até o próximo dia 22/03.

Acompanhe no seu extrato e em caso de dúvidas consulte o seu Gerente de Canais.

porNeimar Mariano Arruda

Análise SWOT para lotéricas: entenda o que é e quais as vantagens para o seu negócio

Análise SWOT para lotéricas: entenda o que é e quais as vantagens para o seu negócio

 

Saber quais são as forças, fraquezas, oportunidades e ameaças da sua lotérica, é fundamental para que o seu negócio seja um sucesso. E para isso, é importante que você faça uma análise SWOT da lotérica.

De forma resumida, a análise SWOT serve para que você analise os ambientes internos e externos da sua lotérica como um todo. Dessa forma, você tem como pensar em estratégias para o seu negócio, de forma a melhorar o desempenho e lucratividade.

Abaixo você vai conferir porque é importante que essa análise seja realizada. Boa leitura!

 

Entendendo os conceitos de uma análise SWOT para lotéricas

Para que você entenda como essa análise acontece, resolvi mostrar os quatros conceitos básicos de uma análise SWOT. Essa análise é dividida em pontos internos e externos. Primeiro vamos verificar os fatores internos.

Forças

Nesse caso, você deve elencar as vantagens que a sua lotérica tem, quando comparada com os outros concorrentes. Você pode fazer as seguintes perguntas:

  • Quais as melhores práticas da sua lotérica?
  • Quais as melhores atividades?
  • Quais são os seus diferenciais?
  • Quais são as suas vantagens competitivas?
  • Qual seu nível de comunicação e engajamento com seus clientes?

Fraquezas

Aqui você vai elencar os elementos que podem interferir e prejudicar a sua lotérica.

  • A minha mão de obra é boa?
  • Falta treinamento e capacitação para meus colaboradores?
  • O que eu poderia fazer melhor?
  • O que nos faz perder clientes ou tornar os custos mais altos?

Feito isso, você deve analisar os fatores externos.

Oportunidades

Nesse caso, você deve identificar os fatores externos que causam influência positiva na sua lotérica. Pense na concorrência, fatores políticos, sociais, econômicos e tecnológicos. Tudo que pode gerar oportunidade para a sua lotérica ser ainda melhor.

Ameaças

Por último, faça uma análise das ameaças. São os mesmos pontos analisados anteriormente, mas com cautela. Veja o que pode influenciar o seu planejamento e os resultados da sua lotérica, de forma a impactar negativamente o seu negócio.

Agora que você entendeu como funciona a análise SWOT para lotéricas, saiba quais as vantagens de fazê-la para o seu negócio.

 

Permite que você faça um planejamento estratégico

Realizar um planejamento estratégico é fundamental para que a sua lotérica tenha sucesso. Dessa forma, é possível identificar onde você está acertando e o que é preciso melhorar. Assim, você não vai precisar “dar tiros no escuro”. Você saberá exatamente em qual direção apontar para ter bons resultados.

 

Você consegue analisar a concorrência

Compreender a concorrência é essencial para pensar em estratégias para o seu negócio. Com isso, você consegue criar um plano de negócios que possibilite que você fique na frente da concorrência, criando vantagem competitiva no mercado.

 

Maior entrosamento da equipe

Você não faz uma análise SWOT sozinho. Ela é feita com a ajuda da sua equipe. Isso faz com que os participantes exponham ideias e problemas para melhorar o seu negócio. Assim você compreende o mercado como um todo, pensando em soluções assertivas e que tragam o retorno esperado para a sua lotérica.

 

Mantém a lotérica preparada para os desafios

Em tempos de crise, não dá para ficar com uma venda nos olhos sem saber para qual direção seguir. E com uma análise SWOT você consegue verificar o que de mais importante existe no mercado.

Sendo assim, você passa a ter mais confiança, força e segurança para lidar com os problemas diários. Em contrapartida, sua lotérica cresce mais saudável e pronta para enfrentar os desafios e imprevistos.

 

Espero que você tenha entendido o que é e qual a importância de fazer a análise SWOT da lotérica. Pense a frente e faça a análise SWOT do seu negócio para garantir bons resultados no seu negócio.

 

 

 

Neimar Mariano de Arruda
Consultor Lotérico e Fundador da DouraSoft,
(67) 9.9698-3422

 

 

Quer melhorar a gestão da sua lotérica?
Conheça o único sistema de Gestão Blindado para Lotéricas. O AGIL

porNeimar Mariano Arruda

Qual a importância de se ter relatórios completos e acessíveis?

As vendas a prazo fazem parte da rotina de uma empresa. Em muitas casas lotéricas, é comum que os registros de entrada e saída de dinheiro das casas lotéricas sejam feitos em agendas pessoais ou em blocos de anotação. Até mesmo as vendas a longo prazo são anotadas de forma informal.

O grande problema em fazer registros informais é que estão sujeitos a uma significativa margem de erro, principalmente quando é necessário um relatório mais completo, que valide os dados coletados. No que tange às vendas a prazo, os cálculos precisam ser ainda mais precisos, porque a empresa usa capital do seu próprio fornecedor para conseguir subsidiar esse tipo de pagamento. Para ter certeza que a empresa pode custear os pagamentos a prazo é preciso fazer o cálculo de capital de giro de modo correto.

A lotérico precisa fazer reservas financeiras para sustentar vendas a prazo. A única maneira de avaliar os lucros e gastos de uma empresa é fazendo relatórios com dados completos. E, para isso, a utilização de métodos automatizados de gestão de sistemas de vendas de produtos e serviços é essencial.

 

Relatórios completos sobre vendas a prazo e demais transações lotéricas

As lotéricas disponibilizam inúmeros serviços. Em meio a uma rotina tumultuada, torna-se complicado analisar dados com anotações feitas manualmente. Nesse contexto, a automatização de dados é imprescindível para o lotérico.

Além de produzir relatórios completos, os sistemas gerenciais automatizados farão com que o lotérico acompanhe todas as transações realizadas em seu estabelecimento, podendo, dessa forma, analisar o seu lucro sem fazer cálculos, já que o software fará tudo automaticamente.

Um dos pontos positivos sobre a automatização de gerenciamento está no fato de que o sistema gerencial para esse tipo de cálculo não é oneroso. O melhor sistema para esse tipo de operação é o AGIL (para ter mais detalhes sobre como proceder na gestão empresarial e adquirir o software da AGIL clique aqui).

 

Benefícios da automatização de sistema

Além de facilitar os cálculos para as vendas a prazo, o sistema gerencial automatizado em uma lotérica oferece outros benefícios. Confira quais são:

  • Relatórios completos e acessíveis com cálculos exatos;
  • Visualização em tempo real de gastos da lotérica;
  • Visualização em tempo real dos lucros da lotérica;
  • Integração de caixas, otimizando tempo das análises nas tomadas de decisões;
  • Relatórios com gráficos que mostram de forma mais dinâmica os fluxos financeiros da lotérica;
  • Os relatórios podem ser feitos a hora que o lotérico quiser. Em minutos é possível fazer análise completa da saúde financeira da casa lotérica com base nesses dados;
  • No caso do software da AGIL, se for necessário um relatório mais personalizado, o lotérico poderá encontrar em contrato com a Dourasoft e solicitar. Tudo feito de forma interativa e muito rápida.

Ter o relatório financeiro gerencial em mãos pode ser o diferencial para sua lotérica. Seja para o cálculo de vendas, para o registro de clientes ou para outras ações que envolvam o gerenciamento da empresa. Os relatórios proporcionam ao lotérico uma visão concreta da situação de sua empresa.

O ramo empresarial não aceita “achismo”, não há mais espaço para amadores. Toda decisão precisa ser tomada com base em análises bem elaboradas. Fazer cálculos faz parte da rotina do lotérico, mas pode tomar muito tempo. Ter relatórios acessíveis permite que o empresário consiga se programar para evitar erros e fazer suas vendas crescerem, incluindo as vendas a prazo.

 

 

Neimar Mariano de Arruda
Consultor Lotérico e Fundador da DouraSoft,
(67) 9.9698-3422

 

 

Quer melhorar a gestão da sua lotérica?
Conheça o único sistema de Gestão Blindado para Lotéricas. O AGIL

porNeimar Mariano Arruda

Você sabe quando uma lotérica é lucrativa?

Como saber o momento em que a lotérica atingiu ou atingirá o ponto de equilíbrio no mês?

Pela nossa experiência acumulada, é comum que a gente se depare com lotéricos que têm dúvidas quanto à rentabilidade de suas lotéricas. Não é por menos que muitos afirmam que “dá para sobreviver” com os seus negócios, embora não se possa afirmar que estão “muito bem de vida”.

Este não é um problema restrito a este grupo de empresários, mas um desafio nacional. Muitos não sabem responder a perguntas simples sobre a saúde financeira de suas empresas, como:

  1. Qual é o fluxo de caixa da empresa?
  2. Qual foi o faturamento mensal?
  3. Quais são os custos fixos e variáveis?
  4. Qual é o ROI (retorno do investimento)?

Algumas práticas recorrentes…

Muitos lotéricos estão sempre muito ocupados com as rotinas operacionais de suas empresas, resolvendo problemas, preocupando-se com o atendimento, com o estoque, tendo que solucionar problemas diários que vão desde a falta de um funcionário até a pane em uma das impressoras dos caixas.

Este dia a dia agitado e de muita correria termina distanciando este empresário das informações que ele precisa para poder analisar a performance do seu negócio. Este é um dos motivos que explicam o não conhecimento adequado sobre a rentabilidade da lotérica.

Todo empresário deseja ver a sua empresa crescendo e prosperando, com uma lucratividade cada vez mais robusta e sólida. Entretanto, a realidade de muitos é a velha rotina de enxugar gelo, misturada àquela sensação de que muito esforço é necessário apenas para se manter no mesmo lugar em que sempre esteve, sem grandes avanços.

Outra prática muito comum é a velha confusão patrimonial em que o lotérico confunde o seu patrimônio pessoal com o patrimônio da lotérica e acaba misturando tudo. Contas da família são pagas nas contas da empresa, dinheiro do caixa é retirado para sanar eventuais necessidades pessoais, o carro da família está em nome da empresa, esposa e filhos têm acesso ao dinheiro da sociedade, realizando saques na “boca do caixa” sem qualquer controle…

Quantas destas situações você consegue visualizar na vida de um legítimo empresário brasileiro? Quantas delas são típicas de uma empresa familiar?

E o que precisa ser feito?

Se o grande objetivo é o progresso da empresa, através de um processo de gestão mais eficaz, algumas boas dicas são:

Dica 01 – Separe o patrimônio e as contas pessoais do patrimônio e das contas da empresa. Uma excelente sugestão é estabelecer o valor de retirada mensal e obedecer o que foi determinado rigorosamente, proibindo retiradas ou saques seja por quem for.

Dica 02 – Descentralize algumas atividades. O lotérico não pode sustentar a postura de super-herói. Ele precisa descentralizar algumas tarefas para outros colaboradores. A justificativa é simples: ele precisa de mais tempo para analisar a situação financeira, tomar decisões importantes, e definir as diretrizes estratégicas da sua empresa.

Dica 03 – Aprimore os controles. Para saber qual é a realidade da sua lotérica, é preciso elevar a qualidade e a eficiência dos controles financeiros existentes. Precisamos substituir a intuição pela técnica. Uma excelente sugestão é a implementação de sistemas de gestão customizados, como é o caso do AGIL.

 

E quando uma lotérica é lucrativa?

Depois da implementação de grande parte das sugestões acima, propiciando maior controle e transparência por parte do lotérico, fica bem mais fácil responder à pergunta sobre a lucratividade da lotérica, já que os dados financeiros poderão ser encontrados no sistema.

Além da velha fórmula que subtrai os custos das receitas para encontrar o lucro do mês, o empresário não pode deixar de considerar a importância do capital de giro.

Neste ponto, devemos lembrar que a retirada de grandes somas de dinheiro, que pareciam ser o resultado ou o lucro da lotérica, pode colocar a empresa em apuros e com dificuldades de pagar os seus custos mais singelos, justamente por conta da má gestão do capital de giro.

Tudo isto nos permite afirmar, em conclusão, que uma lotérica é lucrativa quando alcança o seu ponto de equilíbrio financeiro, no qual os controles revelam a sua realidade, de modo que as receitas superam as despesas, além de haver capital de giro suficiente para que a mesma se mantenha segura para honrar os compromissos do mês seguinte, sem maiores dificuldades.

 

Quer melhorar a gestão da sua lotérica?
Conheça o único sistema de Gestão Blindado. O AGIL

 

 

 

Neimar Mariano de Arruda
Consultor Lotérico e Fundador da DouraSoft,
(67) 9.9698-3422

porNeimar Mariano Arruda

Fidelizar: O que fazer para que o cliente volte sempre?

O ativo mais poderoso que uma empresa possui é a sua carteira de clientes e isso não é diferente com as casas lotéricas. Se esta relação entre empresa e cliente for amistosa e leal, com benefícios recíprocos, melhor ainda, certo? Mas, afinal, o que fazer para que o cliente volte sempre? Como lidar com a difícil tarefa de fidelizar a clientela?

A solução para fidelizar o cliente da sua lotérica

Pensando em ir muito além do controle das finanças e da geração de relatórios sobre os resultados econômicos da empresa, o AGIL foi desenvolvido para que você possa dar um salto de qualidade no relacionamento que trava com o seu cliente.

Se, como vimos, fidelizar é uma premissa para que ele volte e continue comprando, desenvolvemos um sistema capaz de registrar e controlar algumas informações aparentemente ingênuas ou sem sentido, mas com grande potencial para fidelizar.

Estas mesmas informações fazem total diferença quando o objetivo maior é conquistar a confiança do cliente, através de um trabalho eficiente para que ele fique cada vez mais satisfeito com o serviço que lhe é prestado.

A esta altura você deve estar se perguntando: mas o que o AGIL tem de tão especial neste quesito? Responderemos estas e outras perguntas no tópico a seguir…

 

O que o AGIL faz para você fidelizar, em definitivo, o cliente da sua lotérica

Desenvolvemos um super cadastro de clientes, que vai muito além do simples registro de informações de contato. Com o AGIL, você estará controlando e registrando itens como:

  • Você saberá o que o cliente costuma comprar.
  • Terá condições de informar quais são suas maiores preferências pessoais, incluindo números favoritos para jogos e loterias de preferência.
  • Poderá descobrir ainda, através do cruzamento de informações, com que frequência ele compra em sua lotérica.

Todos estes dados, quando devidamente interpretados e analisados, propiciam uma compreensão completa sobre o comportamento do seu cliente. Com eles, fidelizar fica muito mais fácil e simples, já que você conhece bem a sua carteira e poderá trabalhar para que a sua lotérica ofereça um atendimento super personalizado em relação a sua carteira de clientes.

Desse modo, o seu maior ativo estará em boas mãos, e não haverá muitas oportunidades para que a concorrência avance em relação ao seu posicionamento. Aliás, diante das suas estratégias de relacionamento com os clientes, é bem provável que a concorrência perca a preferência de parte da sua clientela.

Registrar as informações do cliente, bem como outros detalhes importantes, é essencial para que você defina estratégias com base nestas informações. Quer mais um exemplo? Se você sabe a periodicidade com que um cliente compra, você poderá prever receitas potenciais futuras, além de poder resgatar clientes que não apareceram dentro do prazo esperado, fazendo contato direto com ele para saber o que houve e como pode ajudar.

Isso tudo somente é possível com o AGIL!

Se você ainda tem alguma dúvida em relação ao AGIL ou ainda não está totalmente convencido quanto à sua capacidade em fidelizar o cliente, assista a este depoimento de uma de empresária lotérica como você. Nada melhor do que escutar a experiência de alguém que enfrentou os mesmos desafios que você enfrenta. CLIQUE AQUI PARA ASSISTIR.

 

 

Neimar Mariano de Arruda é Lotérico e Fundador da DouraSoft,
Administrador de Empresas, Consultor em Gestão Empresarial e
Especialista em Governança de Tecnologia da Informação
(67) 9.9698-3422

porNeimar Mariano Arruda

6 coisas que você não deve fazer ao ganhar na loteria

A história de pessoas que conseguiram ganhar na loteria tem muito a nos ensinar sobre algumas práticas que contribuíram para a sua total falência, ou mesmo para a sua morte.

Não é de hoje que ganhadores da loteria terminam sendo assassinados, transformam-se em vítimas de fraudes, ou acabam na bancarrota. Na história, há registros até de pessoas que cometeram suicídio, diante da constatação de pobreza.

Baseado nestas histórias e tendo em vista o risco de voltar à “estaca zero”, ou mesmo de ficar numa situação ainda pior do que antes de ter ganhado o prêmio, elaboramos uma pequena lista com 6 coisas que você não deve fazer ao ganhar na loteria:

  • Item 01 – Tornar-se um investidor de negócios de pessoas próximas.

Alguns vencedores milionários desejam ajudar pessoas próximas, tornando-se sócio de uma série de negócios de parentes e amigos. Como a maior parte destas pessoas não tem conhecimento em gestão de empresas, terminam conduzindo muito mal estas organizações.

Como consequência, muitos credores acabam indo parar na porta do ganhador para cobrar débitos, já que ele é sócio legítimo das empresas falidas.

  • Item 02 – Contar a todos o fato de ter ganho.

Sair contando a todo mundo o fato de ter ganho é uma péssima ideia. Muita gente já foi assassinada ou sequestrada por conta disso. Devemos lembrar que não podemos prever o comportamento de todas as pessoas ao nosso redor. Muito dinheiro costuma vir acompanhado de inveja e pensamentos nada benéficos.

  • Item 03 – Decidir sacar todo o dinheiro imediatamente.

Outro erro um tanto quanto ingênuo é decidir sacar 100% do dinheiro ganho, carregando-o em uma mala ou pasta. Esse é o maior risco que uma pessoa poderá assumir em sua vida. Olhares muito maldosos estarão apontados para você e não se surpreenda com um assalto ou coisa pior em seu caminho.

  • Item 04 – Pensar que está acima da lei pelo fato de ter ficado rico.

Você pode até ter ficado rico, o que significa que terá uma série de regalias e privilégios próprios de quem é um milionário, mas isso não pode se transformar em arrogância extrema e uma crença de que é superior à lei.

Por conta deste raciocínio, a história de alguns ganhadores da loteria teve o seu desfecho na cadeia, com crimes e violações de diversas naturezas.

  • Item 05 – Imaginar ser a pessoa mais inteligente para gerir as suas finanças.

Se o valor do prêmio for muito alto, é extremamente recomendável que procure um assessor de investimento idôneo e interessado em trabalhar para manter parte da sua fortuna longe de aplicações arriscadas.

Você não sabe tudo sobre investimentos e a ajuda de alguém da área pode evitar a perda de tudo o que você ganhou.

  • Item 06 – Se tornar uma pessoa generosa sem limites.

Todo mundo que aposta na loteria tem a intenção de ajudar parentes e amigos próximos. Você pode até ajudar, mas que seja uma única vez e com valores bem definidos. Afaste-se da ideia de se tornar um financiador permanente de todos ao seu redor.

Evitar cair nestes 6 erros clássicos de quem consegue ganhar na loteria significa caminhar em sentido oposto, justamente para que estas trágicas histórias não se repitam com você.

 

 

 

Neimar Mariano de Arruda é Lotérico e Fundador da DouraSoft,
Administrador de Empresas, Consultor em Gestão Empresarial e
Especialista em Governança de Tecnologia da Informação
(67) 9.9698-3422

 

porNeimar Mariano Arruda

SINLOPAR INFORMA – IPVA

O Sistema passou a acatar  à partir do dia 23 de Janeiro o recebimento de IPVA .
Desde que o cliente retire pela internet na opção QUALQUER BANCO .
Os IPVAS enviados pelo correio só poderão ser pagos nos bancos credenciados .
Foi a solução encontrada emergencialmente .

Mais uma conquista do seu Sindicato .

Diretoria Sinlopar