Como prevenir conflitos quando a lotérica é uma empresa familiar

porSINLOPAR

Como prevenir conflitos quando a lotérica é uma empresa familiar

Aprender como prevenir conflitos na sua empresa familiar é muito importante. Se a sua lotérica está em domínio da sua família, então você deve saber que esse é um grande privilégio. Pois, você pode criar uma tradição dentro da sua família em construir pessoas habilitadas em gerenciar casas lotéricas.

Mas, o que não é interessante é entrar em uma empresa onde há brigas constantes por questões familiares. As empresas precisam ter um clima totalmente profissional, independentemente se os funcionários são parte da sua família.

Para evitar conflitos e impedir que a sua lotérica passe uma impressão errada para os clientes, elaboramos um texto com dicas certeiras para que sua empresa familiar tenha sucesso.

Aprenda como prevenir conflitos na sua lotérica familiar

É muito gratificante ver que a sua empresa está tendo sucesso e que sua família faz parte disso. Ter o sucesso pessoal aliado com o sucesso profissional é um luxo que poucos conseguem usufruir. Mas, o problema começa quando a sua família leva problemas domésticos para dentro da empresa. Nesse momento é hora de aprender como prevenir conflitos dentro da sua empresa familiar.

Separamos algumas dicas para você. Veja:

  1. Estipule o pagamento de cada funcionário

Não é porque se trata de família que você pode retirar dinheiro do sua lotérica quando bem entender. É importante que todos tenham seus salários previamente estabelecidos. Isso irá fazer com que discussões que envolvam dinheiro não sejam geradas.

Uma forma de como prevenir conflitos dentro da sua empresa familiar é deixando bem claro o salário de cada funcionário e estabelecendo regras.

  1. Separe as contas pessoais das profissionais

Nunca pegue dinheiro do caixa para pagar contas domésticas. Acabou o gás da sua casa, então você pega dinheiro do caixa da lotérica? Não! Essa atitude é completamente errada.

Para apender como prevenir conflitos da sua empresa familiar, você precisa entender que o dinheiro da empresa é para ser utilizado na empresa. As retiradas mensais serão o salário de cada funcionário e você deve pagar suas contas domésticas com o valor da sua retirada.

Se perceber que o salário que você estipulou para si mesmo não está sendo suficiente, peça ajuda para um contador para conseguir te ajudar analisar o fluxo de caixa. Dessa forma, você conseguirá definir melhor os salários para que todas as suas contas consigam ser sanadas.

  1. Tenha maturidade

Para ter uma empresa familiar é importante ter muita maturidade. Afinal, nem todo mundo consegue estabelecer uma relação profissional com pessoas da família.

Por isso, antes mesmo de criar uma empresa familiar tenha certeza que está preparado para isso. Você não poderá favorecer os membros da sua família e desfavorecer outros funcionários da sua empresa. Dentro da sua casa lotérica todos os funcionários devem ter direitos iguais!

Outra coisa importante é que você consiga ter maturidade para construir uma vida financeira sólida. Afinal, se você estiver com problemas financeiros pessoais, com certeza eles irão afetar a sua empresa. O ideal é que você tenha educação financeira na sua casa, para estender essa gestão para sua empresa.

  1. Não discuta em frente aos clientes

Não existe nada mais chato de deselegante do que ter discussões em frente aos clientes. Essa situação é tão constrangedora que muitos clientes acabam não retornando a essa empresa para não ter que vivenciar isso novamente.

Sempre converse com funcionários, mesmo que forem membros da sua família, fora do horário de trabalho. Faça reuniões com eles e fale sobre os assuntos que estão prejudicando a sua empresa.

Mas, nunca queira lavar “roupa suja” em frente aos clientes. Essa situação pode te fazer perder muito dinheiro e muitos clientes.

  1. Se precisar, contrate um contador

No manual de como prevenir conflitos na empresa familiar é sempre importante buscar ajuda, se necessário. O contador é a pessoa que pode organizar tanto a sua vida financeira pessoal, quanto a vida financeira da sua empresa.

Se perceber que está perdendo o rumo das coisas, contrate um profissional qualificado para te ajudar. Ele irá te dar dicas que vão fazer com que você tenha um real retorno do seu investimento e consiga ter a tão sonhada liberdade financeira com o seu empreendimento.

  1. Ninguém tem privilégios

Outra coisa importante para aprender como prevenir conflitos dentro da sua empresa familiar, é não dar privilégios para nenhum membro da sua família.

Por exemplo, não faça adiantamento de pagamento para um funcionário e negue para outro. Isso pode gerar intrigas e fazer com que o clima empresarial fique completamente tenso.

Converse com todos os funcionários e ajude-os a organizar sua vida financeira, caso isso seja necessário. Como se trata da sua família você terá total liberdade de ensiná-los a como gerenciar o seu dinheiro, principalmente quando se trata de seus filhos e familiares mais próximos.

Sobre o Autor

SINLOPAR editor

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.