Arquivo de tag Lotérica

porNeimar Mariano Arruda

Operador de caixa: Como se posicionar dentro da casa Lotérica

Provavelmente, quando falamos sobre operadores de caixa, este seja um dos assuntos mais complexos. Primeiro, porque o ambiente dentro de uma casa Lotérica demanda muito dos operadores. Quando falamos sobre operadores de caixa, a primeira coisa que vem a nossa cabeça é atendimento ao cliente. Mas vamos além, quando tratamos sobre operadores estamos falando de profissionais com conhecimento em informática e atendimento a cliente.

Mas o nosso foco aqui é tratar sobre alguns pontos que o operador precisa ter.


Conhecer o mercado Lotérico

Um ponto crucial para um operador de caixa é conhecer o mercado Lotérico. Principalmente, porque existem alguns pontos chaves. O ambiente lotérico em horários de picos. Outro ponto crucial pelo qual é preciso conhecer, é que existem situações dentro das casas Lotéricas onde um operador de caixa vai precisar se sobressair. Um bom exemplo, é quando o sistema acaba caindo e a fila está enorme. Além disso, tenha o hábito de sempre questionar o seu gerente ou proprietário da casa Lotérica, questione como deve se portar diante dessas situações e até mesmo outras que podem surgir. Desta forma, eles poderão te auxiliar e direcionar a fim de otimizar o atendimento.

Portanto, é necessário possuir uma noção do mercado Lotérico.


Atendimento ao cliente

Outro ponto crucial é conhecer o seu cliente. Por que falamos isto? Principalmente, porque o cliente do mercado Lotérico é variado. Veja, temos idosos, advogados, jovens. Pessoas calmas. Temperamentais. Agressivas. Tudo é volátil no mercado Lotérico. Portanto, é preciso trabalhar muito o seu formato de atendimento ao cliente. Provavelmente o ponto mais importante, primeiramente porque este é o principal serviço da casa Lotérica.

Uma observação muito válida é que você (operador) dê foco total ao seu cliente no momento do atendimento. Evite conversas paralelas com outros operadores. Seja gentil, simpático e proativo no seu atendimento. Comece sempre com uma saudação. Bom dia…Boa noite. Tudo bem?

Além disso, caso a conversa acabe se tornando um pouco mais ríspida, peça para outra pessoa assumir o atendimento. Desta forma você acaba induzindo o cliente a direcionar o foco para a situação e não para você. Portanto, caso ocorra esse tipo de conversa você pode chamar o seu gerente ou até mesmo uma colega com mais experiência nesse tipo de situação.

Concentração ao caixa

Todos os dias ou melhor em todos os momentos existe dinheiro sendo movimentado dentro das casas Lotéricas. O operador de caixa precisa manter a atenção ao máximo durante a movimentação dos dinheiros. Portanto, evite erros no momento do troco, confira sempre se existem notas falsas e mantenha sempre os valores corretos no seu caixa. Lembre-se o dinheiro que entra e sai não é da Lotérica, ele será repassado. Afinal, você provavelmente já deve ter percebido, quanto mais atenção ao caixa menor a diferença de caixa.

Ofereça os produtos

Todo operador de caixa deve ser um vendedor. Oportunista. Essa característica é fundamental para o sucesso de um operador. Todo cliente que entra em uma casa Lotérica, entra para comprar ou pagar. Os clientes geralmente estão com pressa, ou seja atendê-lo bem e com rapidez, gerará uma oportunidade para fazer uma oferta. Portanto, é você, operador de caixa quem é responsável por fazer a oferta de produtos disponíveis.

O sistema da casa Lotérica deve ser seu amigo

Conhecer o sistema com o qual você trabalha irá facilitar a sua vida. Isso vai gerar um atendimento mais eficiente e melhor para o seu cliente. Como já mencionamos antes o cliente geralmente não possui disponibilidade de tempo, portanto ele espera um atendimento rápido. Ou seja, um operador de caixa não pode ter dificuldade com o sistema, por falta de conhecimento, durante o atendimento. Isso pode afetar a satisfação do cliente.

Você, operador de caixa, é um ativo

Os operadores de caixa são uma parte crucial dentro das casas Lotéricas. Quando dizemos isto estamos afirmando que um bom operador significa aumento de receita. Portanto, muitos Lotéricos bonificam os melhores operadores. Imagine só, além de desempenhar muito bem o seu trabalho, você poderá dobrar os seus ganhos.

Por fim, esperamos que estas dicas te auxiliem a melhorar o seu atendimento. Hoje, existem cursos, canais no youtube, que te ajudam a conseguir dicas para aprimorar o seu trabalho como operador de caixa. Esperamos, que através deste conteúdo você consiga alcançar satisfação pessoal, profissional e em grupo dentro da casa Lotérica.

Leia este e outros artigos acessando o nosso blog!

porNeimar Mariano Arruda

Como escolher um gerente para a sua casa Lotérica

Hoje em dia com a demanda das casas Lotéricas, é necessário ter uma pessoa que te auxilie nesta jornada. Mas encontrar um bom gerente de casa Lotérica, nem sempre é fácil. Principalmente, porque muitas vezes antes de contratar ou delegar uma função precisamos quebrar algumas barreiras em nós mesmos. Ter um bom gerente implica diretamente em ter uma pessoa que nos auxilia no dia a dia. Além disso, ser gerente é empreender, facilitar e otimizar serviços e funções.


Expectativa x Necessidade em um gerente

Quando contratamos alguém criamos uma expectativa, que se não correspondida acaba virando frustração. Portanto, é vital que você alinhe as suas expectativas e necessidades com o seu gerente logo de início. Aqui vamos recomendar alguns pontos que precisam ser claros e determinados desde o início.

Clareza. O primeiro ponto que acreditamos ser definido, é a clareza na comunicação entre gerente e proprietário. Ambos precisam sempre expressar o que for necessário para o desenvolvimento da casa Lotérica. 

Responsabilidades. Enquanto proprietário no momento de delegar, deixe claro o que é função ou não do seu gerente. Desta forma você evita que atividades cruciais fiquem sem execução, por falta de determinação. 

Confiança. Outro ponto crucial é estabelecer confiança com o seu gerente. Ele precisa sentir-se seguro para tomar as decisões. Principalmente, porque atuar com insegurança nunca gera bons resultados.

Liderança. O gerente precisa ser um Líder, possuir uma voz firma para que haja respeito e reconhecimento. Além disso, ele precisa estar ciente de todos os acontecimentos dentro da casa Lotérica. Desta forma, ele conseguirá antecipar eventuais problemas.

Seleção

O processo de seleção é um tanto quanto trabalhoso, quando bem feito, mas super necessário. Por isso vamos sugerir algumas táticas que vão te auxiliar nesta fase. Lembre-se, sempre que tratamos sobre contratações/seleções estamos querendo agregar ao nosso negócio. O intuito é quem resolva, e não crie problemas.

Seleção interna: Um formato de seleção interna é muito válido quando tratamos sobre o ramo Lotérico. Primeiro, porque os funcionários já conhecem o ambiente de trabalho. Segundo, porque você selecionará aqueles que enxerga com maior potencial.

Mas há um detalhe, é preciso alguns critérios, crie um modelo. Utilize questionários, dinâmicas em grupo. A grande vantagem é que ao contrário de um processo de seleção externo, você economiza tempo e recurso.

Seleção externa: Neste modelo você buscará por currículos, indicações, banco de vagas. Existem várias plataformas e empresas que podem ajudar neste processo. Por sinal, recomendamos a Dourasoft para consultoria neste processo. Neste formato, o ideal é que você selecione no mínimo 10 cvs, todos dentro do padrão, agregue eles aos cvs de indicação e internos.

Um ponto válido de ressaltar é que nem sempre nós Lotéricos conseguimos pagar o que de fato a pessoa merece, portanto recomendamos sempre que seja feito primeiro uma seleção interna. Posteriormente, caso haja a necessidade de uma seleção externa, você não precisa necessariamente buscar por alguém com experiência em casas Lotéricas, mas sim com experiência em liderança em primeiro lugar.

Sugerimos estes dois modelos apenas, porque eles serão mais simples. Agora, após a separação dos cvs, utilize de critérios de avaliação.


Avaliação


Avaliar currículos é um processo bastante delicado, principalmente porque quando chegamos nesta fase, todos os cvs são promissores. Portanto, recomendamos adotar ao menos dois critérios.

Experiência no cargo. Coloque como prioritários aqueles que tiveram experiência como gerente em casas Lotéricas. Agregue em uma segunda pilha, todos aqueles que tiveram experiência dentro de uma casa Lotérica. Faça tudo em ordem crescente, os que possuem mais experiência primeiro, até chegar nos que possuem menos tempo de casa Lotérica.

Experiência com a função. Por mais que para casas Lotéricas, seja muito importante buscar alguém que tenha experiência no cargo. É viável também avaliar candidatos com experiência na função. Utilize dos mesmos critérios acima, candidatos com o maior tempo em gerência devem estar acima. Além disso, leve em consideração o ramo, o mais próximo possível do ramo Lotérico.


Por fim, faça uma experiência com seu futuro gerente

Após escolher o candidato ideal, utilize do período de experiência. Mas não apenas deixe ele cumprir o tempo de experiência, ajude ele a se desenvolver mais. Coloque-se à disposição para que ele alcance o máximo no quesito desempenho. Vale ressaltar que um gerente deve ser um líder e conhecer todos os processos da Lotérica. Primeiro porque esporadicamente ele também precisará estar no  caixa, seja para cobrir o horário de almoço de algum operador ou uma eventual falta. Segundo, porque desta forma ele conseguirá otimizar ainda mais o seu trabalho. 

Esperamos que através destas dicas você consiga selecionar ou treinar um gerente que corresponda às expectativas da sua casa Lotérica.

Leia este e outros artigos acessando o nosso blog!

porNeimar Mariano Arruda

Dinâmica em grupo para Casa Lotérica

Sempre que falamos em dinâmica em grupo, muitas vezes pensamos que não é viável aplicar em nosso modelo de negócio. Mas é totalmente viável e funcional para Casas Lotéricas. Antes de mais nada vamos esclarecer alguns pontos. Primeiramente, é preciso que você amigo Lotérico compreenda o que é uma Dinâmica em Grupo. Basicamente, é uma ferramenta de estudo de grupos e também uma forma de dizer processos de grupo. Entendemos como grupo um conjunto de duas ou mais pessoas. 

Quando realizamos exercícios em grupo buscamos desenvolver algumas características em conjunto. Primeiramente, isto trará entrosamento para a sua equipe Lotérica. Uma equipe unida é crucial para que as metas estabelecidas sejam concretizadas. Outro ponto, é que você poderá desenvolver dentro da sua equipe características que auxiliem nas vendas. Proatividade, gentileza e cordialidade por exemplo.


Dinâmicas em grupo em Lotéricas possuem objetivo

Como dissemos antes dinâmicas em grupo servem para melhorar o entrosamento da equipe. Além disso, você conseguirá desenvolver autenticidade em seus funcionários, permitindo que eles se expressem. Você possibilitará isso promovendo confrontos, onde os seus funcionários poderão lidar com situações diárias que acontecem em Casas Lotéricas.

Por exemplo, dentro de uma dinâmica em grupo, você poderá simular um cliente irritado com a longa demora da fila. Como o seu atendente se portará diante da rispidez dele? Tudo isso são situações que quando simuladas, evitam que o seu funcionário perca o controle da situação. Outro exemplo muito comum em casas Lotéricas, quando o sistema caí em horários de pico. Os seus funcionários precisam possuir um jogo de cintura, para controlar a irritabilidade crescente nos clientes.

Além disso, você poderá utilizar a dinâmica em grupo para fazer simulações de precauções. Por exemplo, simular com seus funcionários um assalto a sua casa Lotérica. Como eles devem agir? Ao realizar essa simulação você estará preparando os seus funcionários. 


A sua casa Lotérica poderá vender mais

Um outro motivo crucial para realizar dinâmicas em grupo é para aumentar as vendas. Calma, vamos explicar com calma.  A ideia de criar um dinâmica é justamente para que seus funcionários criem um relacionamento. Ou seja, é totalmente possível que eles compartilhem as técnicas que utilizam para alcançar êxito nas vendas. Portanto, é ideal desenvolver treinamento em conjunto para os seus funcionários. Além disso, você poderá corrigir erros primários ao longo dos treinamentos. Mas que quando observados com calma, são muitos comuns.

Corrigir os erros primários são uma forma de otimizar o seu time de vendas.

Mas não para por aí, ao realizar uma dinâmica em grupo você poderá se prevenir otimizar alguns processos dentro da sua casa Lotérica. Por exemplo, ao contratar um funcionário novo. Realizar dinâmicas em grupo é aplicar um filtro que determinará o melhor perfil para atuar em sua casa Lotérica.

Além disso, você poderá aplicar dinâmicas em grupo no momento de selecionar o seu gerente. Claro, que este não é o único fator a ser levado em conta, mas o desempenho pode ser um fator a ser levado em conta.


Portanto, realize as dinâmicas em grupo na sua casa Lotérica

Reconhecemos que casas Lotéricas geralmente não possuem um efetivo de funcionários muito elevado, geralmente contam com 4 ou 5 funcionários. Desta forma, entendemos que nem sempre será possível realizar dinâmicas, mas você conseguirá encontrar dinâmicas que atendem as suas necessidades facilmente na internet. Além disso, recomendamos que você veja quais são as suas principais demandas, encontre um vídeo no youtube, por exemplo no canal da Dourasoft, e assista com a sua equipe. Posteriormente vocês podem levantar prós e contras, e com certeza ideias e sugestões de melhoria virão à tona.

Recomendamos que dinâmicas em grupo sejam aplicadas em sua casa Lotérica. Ao elaborar as dinâmicas você poderá resolver erros comuns que prejudicam as suas vendas. Além de poder aumentar as performance dos seus funcionários. Por outro lado, isto também ajudará em momentos como simulações para evitar fraudes, golpes e roubos. O intuito das dinâmicas em grupo neste caso, é preparar a sua equipe para possíveis dificuldades.

Por fim, você poderá utilizar das dinâmicas na hora de fazer contratações e escolher o seu gerente. O objetivo é conseguir extrair mais características da sua equipe, além de destravar novas habilidade. Além claro de desenvolver entrosamento e familiaridade entre os seus funcionários.

Leia este e outros artigos acessando o nosso blog!

porNeimar Mariano Arruda

Como contratar funcionários para a sua casa Lotérica

Uma pergunta muito comum no meio Lotérico, é como escolher o funcionário ideal: O ambiente lotérico nem sempre é fácil. Envolve pressão. Correria. Atendimento. Equipe. Além de vários outros fatores que influenciam e determinam o sucesso de uma casa Lotérica. Portanto, escolher um funcionário demanda tempo, recurso e paciência. Primeiro, porque é preciso validar o que realmente necessitamos em nossa casa Lotérica.


Qual é o nosso perfil, como líder ou gestor.


Antes de contratarmos um funcionário precisamos validar alguns pontos. Quais são as necessidades da minha casa Lotérica. Qual o perfil de funcionário mais se adapta ao meu modelo de gestão e também, o que poderá produzir mais. Primeiro, eu preciso entender o que a minha Lotérica necessita hoje. Estou em busca de um perfil hunter, que conseguirá aumentar as minhas vendas de bolões.

Talvez eu esteja em busca de alguém que aumente a satisfação dos meus clientes com seu atendimento. Posso unir os dois: Claro. Principalmente, porque o ambiente lotérico não é igual a outros modelos de comércio.

É preciso estar preparado para lidar com clientes irados, ignorantes, chateados, mas também com clientes compreensíveis, simpáticos. Outro ponto é que existem fatores que não podemos controlar como: Um dia de pico e uma queda geral de energia ou o sistema ficar inoperante. Tudo isso precisa estar alinhado a sua expectativa e mais, a sua necessidade.


Mais como encontrar o funcionário ideal


Antes de tudo, crie um processo de contratação ou delegue para o seu gerente – afinal entendemos que ele é uma pessoa de muita confiança para você;

1) Defina os requisitos – Este é um erro muito comum, muitos Lotéricos ou gerentes de Lotéricas precisam contratar, mas não sabem ao certo qual a sua necessidade real.

2) Divulgue a vaga para os seus funcionários. Muitas vezes eles podem conhecer alguém com a experiência desejada. Isto poupará tempo e recurso.

3) Selecione os currículos – Isto é uma etapa crucial, mas não definitiva, não se atenha a apenas um currículo, o ideal é selecionar entre 3 e 5 currículos e convidar para uma entrevista.

4) Entrevista – Separe perguntas que julgue necessárias, e faça-as. Se for o caso realize simulações de dia a dia na sua casa Lotérica, para ver como o entrevistado se porta. Uma etapa um pouco negligenciada, mas que se feita corretamente aumentará e muito a sua taxa de sucesso.


5) Período de treinamento – Elabore um período de treinamento para o possível funcionário, se preciso contrate alguma empresa com experiência na área. Isto, ajudará e muito em uma adaptação mais rápida do seu funcionário. Lembre-se você não está investindo nele, mas em seu negócio.  A sua casa Lotérica precisa de funcionários capacitados.


Contratar é preparar para ganhar

Quando você contrata um funcionário, automaticamente você está aumentando as chances de lucro do seu negócio. Quando um funcionário capacitado é encaixado na sua casa Lotérica, ele influenciará na satisfação dos seus clientes, no aumento das vendas de bolões e também claro, poderá auxiliar em situações de crise como: Falta de energia ou um sistema travado.

Nós precisamos montar um time para a nossa casa Lotérica que vista a camisa, que entenda que só o salário não basta, recomendamos inclusive que leia o artigo sobre bonificações.

Por fim, recomendamos que antes de qualquer contratação leia e se informe sobre o que outros Lotéricos estão fazendo. Além disso, invista tempo e recurso para evitar futuras dores de cabeça com funcionários. Contrate alguém que vestirá a camisa da sua casa Lotérica e buscará por resultados. Evite, funcionários preguiçosos, que se contentam com o salário apenas. Procure por aqueles funcionários que sempre procuram bater as metas, porque sabem que isso ajudará a eles.

Leia este e outros artigos acessando o nosso blog!

porNeimar Mariano Arruda

Você sabe quando uma lotérica é lucrativa?

Como saber o momento em que a lotérica atingiu ou atingirá o ponto de equilíbrio no mês?

Pela nossa experiência acumulada, é comum que a gente se depare com lotéricos que têm dúvidas quanto à rentabilidade de suas lotéricas. Não é por menos que muitos afirmam que “dá para sobreviver” com os seus negócios, embora não se possa afirmar que estão “muito bem de vida”.

Este não é um problema restrito a este grupo de empresários, mas um desafio nacional. Muitos não sabem responder a perguntas simples sobre a saúde financeira de suas empresas, como:

  1. Qual é o fluxo de caixa da empresa?
  2. Qual foi o faturamento mensal?
  3. Quais são os custos fixos e variáveis?
  4. Qual é o ROI (retorno do investimento)?

Algumas práticas recorrentes…

Muitos lotéricos estão sempre muito ocupados com as rotinas operacionais de suas empresas, resolvendo problemas, preocupando-se com o atendimento, com o estoque, tendo que solucionar problemas diários que vão desde a falta de um funcionário até a pane em uma das impressoras dos caixas.

Este dia a dia agitado e de muita correria termina distanciando este empresário das informações que ele precisa para poder analisar a performance do seu negócio. Este é um dos motivos que explicam o não conhecimento adequado sobre a rentabilidade da lotérica.

Todo empresário deseja ver a sua empresa crescendo e prosperando, com uma lucratividade cada vez mais robusta e sólida. Entretanto, a realidade de muitos é a velha rotina de enxugar gelo, misturada àquela sensação de que muito esforço é necessário apenas para se manter no mesmo lugar em que sempre esteve, sem grandes avanços.

Outra prática muito comum é a velha confusão patrimonial em que o lotérico confunde o seu patrimônio pessoal com o patrimônio da lotérica e acaba misturando tudo. Contas da família são pagas nas contas da empresa, dinheiro do caixa é retirado para sanar eventuais necessidades pessoais, o carro da família está em nome da empresa, esposa e filhos têm acesso ao dinheiro da sociedade, realizando saques na “boca do caixa” sem qualquer controle…

Quantas destas situações você consegue visualizar na vida de um legítimo empresário brasileiro? Quantas delas são típicas de uma empresa familiar?

E o que precisa ser feito?

Se o grande objetivo é o progresso da empresa, através de um processo de gestão mais eficaz, algumas boas dicas são:

Dica 01 – Separe o patrimônio e as contas pessoais do patrimônio e das contas da empresa. Uma excelente sugestão é estabelecer o valor de retirada mensal e obedecer o que foi determinado rigorosamente, proibindo retiradas ou saques seja por quem for.

Dica 02 – Descentralize algumas atividades. O lotérico não pode sustentar a postura de super-herói. Ele precisa descentralizar algumas tarefas para outros colaboradores. A justificativa é simples: ele precisa de mais tempo para analisar a situação financeira, tomar decisões importantes, e definir as diretrizes estratégicas da sua empresa.

Dica 03 – Aprimore os controles. Para saber qual é a realidade da sua lotérica, é preciso elevar a qualidade e a eficiência dos controles financeiros existentes. Precisamos substituir a intuição pela técnica. Uma excelente sugestão é a implementação de sistemas de gestão customizados, como é o caso do AGIL.

 

E quando uma lotérica é lucrativa?

Depois da implementação de grande parte das sugestões acima, propiciando maior controle e transparência por parte do lotérico, fica bem mais fácil responder à pergunta sobre a lucratividade da lotérica, já que os dados financeiros poderão ser encontrados no sistema.

Além da velha fórmula que subtrai os custos das receitas para encontrar o lucro do mês, o empresário não pode deixar de considerar a importância do capital de giro.

Neste ponto, devemos lembrar que a retirada de grandes somas de dinheiro, que pareciam ser o resultado ou o lucro da lotérica, pode colocar a empresa em apuros e com dificuldades de pagar os seus custos mais singelos, justamente por conta da má gestão do capital de giro.

Tudo isto nos permite afirmar, em conclusão, que uma lotérica é lucrativa quando alcança o seu ponto de equilíbrio financeiro, no qual os controles revelam a sua realidade, de modo que as receitas superam as despesas, além de haver capital de giro suficiente para que a mesma se mantenha segura para honrar os compromissos do mês seguinte, sem maiores dificuldades.

 

Quer melhorar a gestão da sua lotérica?
Conheça o único sistema de Gestão Blindado. O AGIL

 

 

 

Neimar Mariano de Arruda
Consultor Lotérico e Fundador da DouraSoft,
(67) 9.9698-3422

porNeimar Mariano Arruda

Dê um basta na burocracia, exija resultados!

Gestão de Resultados

A ciência da administração focada nos resultados, tornou a gestão mais acessível, dinâmica e eficaz.

A experiência tem mostrado que muitas Casas Lotéricas ainda não se beneficiaram da presença de um controle mínimo, capaz de gerar segurança e uma gestão eficiente para as suas rotinas.

Muitas vezes, empresas menores sofrem de problemas relacionados à centralização de grande parte das atividades em uma única pessoa, que termina ficando sempre muito atarefada e sem tempo para se preocupar com questões estratégicas, que efetivamente determinam o sucesso e os resultados do negócio.

Esta é a realidade de muitos lotéricos que até se predispõem e têm interesse em aprimorar a gestão de suas empresas, mas que não conseguem ir adiante nestas atividades e desenvolver um rito mínimo que se apresente como um controle efetivo.

Não é incomum encontrar colegas que ainda se utilizam dos cadernos para controle do fluxo de caixa, conferência e fechamento, sem qualquer registro de estoque, análise de produtos mais rentáveis/vendidos e de itens “encalhados”.

Muitos ainda se baseiam exclusivamente na relação de confiança que têm com os seus colaboradores, ou mesmo, controlam as suas vendas com técnicas rudimentares de conversão de produtos em dinheiro, baseando-se unicamente no bom senso e no conhecimento que detêm sobre o negócio.

Outra situação bastante usual neste ramo, é a conhecida “administração por espasmos”, em que o lotérico tenta implementar sozinho alguma rotina administrativa para a melhoria da sua empresa como um todo. Por estar sozinho nesta empreitada, estas iniciativas terminam tendo um curto prazo de tempo, restando abandonadas depois de alguns dias.

O efeito colateral inegável é a frustração do lotérico e de todas as pessoas envolvidas.

O que temos para hoje?

Todas estas constatações narradas acima são, em verdade, fruto de uma gestão que se baseia em premissas que deram certo no passado, mas que se encontram desconexas da realidade presente.

Não há nada que justifique a insistência no uso de processos de controle inseguros e intuitivos, quando se tem à disposição um verdadeiro arsenal de opções capazes de auxiliar os lotéricos em suas rotinas, otimizando-as a favor da eficiência.

Esta cultura de apego ao passado contraria às regras mínimas de estratégia empresarial, haja vista que não há nenhuma garantia de que o que deu certo no passado continuará dando certo no futuro, ou mesmo, no presente. E acredite, o custo benefício é excelente e totalmente viável.

Além disso, ainda que se admita que os atuais processos, embora ultrapassados, sejam úteis, não se pode negar que uma melhoria em prol da segurança e de maiores resultados não deve ser descartada sem uma análise mais detida ou, ao menos, um esforço para testar a sua viabilidade prática.

Nos dias de hoje, contamos com sistemas de gestão capazes de controlar todos os elementos e indicadores de uma lotérica, desde o mais singelo item no estoque, até os indicadores financeiros mais sofisticados.

Embora exista um processo de implementação que exija certo esforço inicial para a adequação das rotinas operacionais ao software, seus benefícios e vantagens compensam qualquer tipo de custo neste sentido.

Vantagens

  • Mais produtividade e agilidade no atendimento ao cliente;
  • Controle de estoque por cada um dos produtos vendidos;
  • Cadastro de clientes, com registro de informações pessoais e preferências de jogo e produtos mais comprados;
  • Comportamento das vendas, do faturamento e dos custos;
  • Controle de fluxo de caixa em tempo real, permitindo que o gestor saiba o que está acontecendo neste exato momento;
  • Registro de contas a pagar e contas a receber, com aviso prévio de vencimento.
  • Centralização de todos os dados da gestão da Lotérica em um único lugar: o seu computador.

Consequentemente com toda esta automatização, o lotérico poderá se beneficiar de mais tempo para se dedicar a assuntos mais estratégicos e avanços para o seu negócio, abandonando a velha rotina que o impedia de olhar para frente.

Se você deseja saber mais sobre o que a ciência da administração focada no resultado preparou para você, clique aqui e descubra um pouco mais sobre o AGIL.

Neimar Mariano de Arruda é Lotérico e Fundador da DouraSoft,
Administrador de Empresas, Consultor em Gestão Empresarial e
Especialista em Governança de Tecnologia da Informação
(67) 9.9698-3422

 

porNeimar Mariano Arruda

Decisões estratégicas. O que te apoia?

Decisões estratégicas

No dia a dia da gestão de uma lotérica, a tomada de decisões estratégicas muitas vezes não vem acompanhada de uma análise mais profunda sobre o que é necessário fazer e para onde ir.

Entretanto, existem muitas ferramentas e modelos capazes de apoiar os gestores neste sentido, de modo que muitos erros possam ser evitados, já que as decisões deixam de ser intuitivas e passam a ser fundadas em fatos e números que expressam a realidade empresarial.
Diante disso, podemos dizer que existem dois motivos essenciais para erros quanto às decisões estratégicas, nos seus mais diversos níveis:

• Ou a correria do dia a dia impediu uma análise mais detalhada;
• Ou não havia uma ferramenta adequada capaz de auxiliar o gestor neste processo.

Pensando nisso, elaboramos este artigo com a finalidade de lhe mostrar que estas duas barreiras foram totalmente desconstruídas em nosso tempo. Elas são mitos que não têm mais nenhuma relação com a realidade em que estamos. Vamos entender o porquê…

Um método para tomada de decisões estratégicas

A boa e velha gestão estratégica tem, dentre um arsenal de ferramentas a disposição do gestor, uma série de instrumentos que trabalham para ajudar no processo de tomada de decisões. Um deles é o que ficou conhecido como 5W2H
A maneira de implementação do 5W2H é muito simples, pois o seu nome é o acrônimo das palavras Who, Where, When, What, Why, How e How Much, todas derivadas do inglês.
Em bom português, temos o seguinte:

• Quem?
• Onde?
• Quando?
• O quê?
• Por quê?
• Como?
• Quanto custa?

Todas estas palavras devem se transformar em perguntas, como vimos acima. E elas devem ser respondidas pelos gestores antes de uma decisão. Toda esta metodologia costuma ser extremante eficaz, por permitir uma maior reflexão, mas em que pese a sua eficácia, ela termina sendo custosa em termos de tempo, pois gasta um número grande de minutos e, talvez, horas para ser desenvolvida por completo.

O que queremos dizer é que, em alguns momentos, dada a necessidade de tomar uma decisão imediata, fica difícil parar para aplicar o método do 5W2H na prática e ficar respondendo a cada uma das 7 questões que levam a uma solução do problema. Mas, o que talvez você não tenha percebido, é que já temos soluções de alto nível para otimizar este investimento de tempo neste método…

Como otimizar o processo de tomada de decisões estratégicas?

Os anos se passaram e trouxeram grandes avanços e progressos tecnológicos. O velho uso do 5W2H para as decisões também foi impactado e sofreu com estas transformações.

Aquela velha cena do empreendedor que senta diante de um pedaço de papel, com uma caneta na mão, para ficar imaginando possíveis respostas às 7 questões daquela metodologia parece bastante ultrapassada. Hoje, tudo isso pode ser acelerado e ganhar uma eficiência ímpar. E a resposta não está em nada muito complexo ou diferente do que já conhecemos, ela está ao alcance de todos. Pare e pense: os softwares de gestão estão aí para que sejam utilizados, inclusive em nível estratégico. Todos aqueles dados e registros não podem servir somente para controles diários e fechamento de caixa, mas sim para tomadas de decisões profissionalizadas.

O fato é que o uso de aplicações de gestão, como é o caso do AGIL, permite uma resposta imediata, coerente e fundamentada em dados para cada uma das questões do 5W2H. Em outros termos, teremos melhor qualidade de decisão, com menor investimento de tempo. Por isso, descubra mais sobre o que o AGIL pode fazer para a sua empresa, clicando aqui.

 

 

Neimar Mariano de Arruda é Lotérico e Fundador da DouraSoft,
Administrador de Empresas, Consultor em Gestão Empresarial e
Especialista em Governança de Tecnologia da Informação
(67) 9.9698-3422

porSINLOPAR

Operadores de caixa – como motivá-los a vender mais?

Os operadores de caixa são parte importante de uma casa lotérica. São eles que tem o primeiro contato com os clientes e fazem com que sua lotérica receba ou não elogios. São vendedores que fazem um ótimo serviço, afinal precisam trabalhar com um número muito grande de pessoas todos os dias.

Para garantir que o trabalho destes funcionários seja sempre bem realizado, é importante mantê-los motivados. Existem várias táticas que você pode utilizar para fazer com que os funcionários fiquem entusiasmados e consigam vender mais produtos.

Iremos falar neste artigo o que você pode fazer para melhorar o atendimento dos operadores de caixa e fazer com que estes funcionários trabalhem cada vez mais felizes.

Dicas para motivar os operadores de caixa

  1. Premiar o bom desempenho

Quem não gosta de ter o seu trabalho reconhecido? Então, para que os operadores de caixa se sintam bem e motivados, você deve dar uma bonificação para quem conseguir vender mais produtos.

Isso irá estimular a competição entre os funcionários, mas de uma forma saudável. Além disso, fará com que cada funcionário desenvolva uma estratégia particular para vender mais produtos lotéricos e isso pode aumentar a renda da sua empresa.

  1. Elogiar quando a satisfação do cliente for alta

Encontre uma forma de medir a satisfação do cliente durante o atendimento. Existem equipamentos eletrônicos muito baratos que podem ser acoplados no caixa e podem facilitar a avaliação feita pelo cliente.

Quanto mais bem colocado o operador de caixa estiver, melhor será a sua qualificação. Você pode fazer um ranking contendo a qualificação de todos os operadores de caixa. Isso irá fazer com que eles tratem os clientes cada vez melhor, afinal todos estarão vendendo como está sendo o desempenho deles.

Não existe nada pior para um cliente do que chegar até uma lotérica e ser recebido por um funcionário mal-humorado. Quando isso acontece o cliente faz o que tem que fazer e sai rapidamente da loja, mal quer ouvir sobre os produtos lotéricos que poderia comprar.

Os operadores de caixa precisam passar empatia e mostrar-se sempre simpáticos. Essa é uma forma de conquistar os clientes e fazer com que eles sempre tenham um tempinho para ouvir sobre os produtos lotéricos.

  1. Solucionar problemas da forma certa

Está tendo um problema com alguns operadores de caixa? Então, solucione da forma certa. Nunca chame atenção de um funcionário em frente a toda a equipe. Isso pode fazer com que ele se sinta desvalorizado e desmotivado. A melhor forma de conversar com um funcionário é chamando-o para sua sala, para uma conversa particular.

Tente entender o que ele está vivendo e o que está levando este funcionário a ter um desempenho ruim. Antes de demiti-lo dê uma segunda chance para que ele possa melhorar. Verá que esse será um dos seus funcionários mais motivados da empresa!

  1. Criar um ambiente de trabalho agradável

Não existe nada mais motivador do que um ambiente de trabalho agradável. É importante que os operadores de caixa tenham limites, como no uso dos celulares por exemplo. Mas, entenda quando algum funcionário precisar atender uma ligação de um filho ou resolver algo importante. Imprevistos acontecem com todo mundo.

Outra coisa importante é promover a interação entre a sua equipe. Crie eventos fora de horário de trabalho para que todos se conheçam melhor e possam encontrar na sua empresa, uma segunda família.

  1. Pressão na medida certa

É importante que os funcionários trabalhem sobre pressão. Mas, para que os operadores de caixa consigam fazer um ótimo trabalho precisam ter a liberdade de trabalhar sem sentir que estão sendo 24 horas por dia vigiadas.

Os funcionários precisam oferecer os produtos lotéricos, mas devem encontrar a sua própria técnica para realizar essa tarefa. Faça pressão através das bonificações e premiações para quem conseguir vender mais produtos. Porém, se sentirem que o seu emprego está ameaçado por conta da venda dos produtos lotéricos, muitos funcionários podem travar e ter um desempenho ainda pior.

Esperamos que essas dicas te ajudem a motivar os operadores de caixa da sua empresa, conseguindo assim um maior número de vendas para o seu estabelecimento.

porSINLOPAR

Como prevenir conflitos quando a lotérica é uma empresa familiar

Aprender como prevenir conflitos na sua empresa familiar é muito importante. Se a sua lotérica está em domínio da sua família, então você deve saber que esse é um grande privilégio. Pois, você pode criar uma tradição dentro da sua família em construir pessoas habilitadas em gerenciar casas lotéricas.

Mas, o que não é interessante é entrar em uma empresa onde há brigas constantes por questões familiares. As empresas precisam ter um clima totalmente profissional, independentemente se os funcionários são parte da sua família.

Para evitar conflitos e impedir que a sua lotérica passe uma impressão errada para os clientes, elaboramos um texto com dicas certeiras para que sua empresa familiar tenha sucesso.

Aprenda como prevenir conflitos na sua lotérica familiar

É muito gratificante ver que a sua empresa está tendo sucesso e que sua família faz parte disso. Ter o sucesso pessoal aliado com o sucesso profissional é um luxo que poucos conseguem usufruir. Mas, o problema começa quando a sua família leva problemas domésticos para dentro da empresa. Nesse momento é hora de aprender como prevenir conflitos dentro da sua empresa familiar.

Separamos algumas dicas para você. Veja:

  1. Estipule o pagamento de cada funcionário

Não é porque se trata de família que você pode retirar dinheiro do sua lotérica quando bem entender. É importante que todos tenham seus salários previamente estabelecidos. Isso irá fazer com que discussões que envolvam dinheiro não sejam geradas.

Uma forma de como prevenir conflitos dentro da sua empresa familiar é deixando bem claro o salário de cada funcionário e estabelecendo regras.

  1. Separe as contas pessoais das profissionais

Nunca pegue dinheiro do caixa para pagar contas domésticas. Acabou o gás da sua casa, então você pega dinheiro do caixa da lotérica? Não! Essa atitude é completamente errada.

Para apender como prevenir conflitos da sua empresa familiar, você precisa entender que o dinheiro da empresa é para ser utilizado na empresa. As retiradas mensais serão o salário de cada funcionário e você deve pagar suas contas domésticas com o valor da sua retirada.

Se perceber que o salário que você estipulou para si mesmo não está sendo suficiente, peça ajuda para um contador para conseguir te ajudar analisar o fluxo de caixa. Dessa forma, você conseguirá definir melhor os salários para que todas as suas contas consigam ser sanadas.

  1. Tenha maturidade

Para ter uma empresa familiar é importante ter muita maturidade. Afinal, nem todo mundo consegue estabelecer uma relação profissional com pessoas da família.

Por isso, antes mesmo de criar uma empresa familiar tenha certeza que está preparado para isso. Você não poderá favorecer os membros da sua família e desfavorecer outros funcionários da sua empresa. Dentro da sua casa lotérica todos os funcionários devem ter direitos iguais!

Outra coisa importante é que você consiga ter maturidade para construir uma vida financeira sólida. Afinal, se você estiver com problemas financeiros pessoais, com certeza eles irão afetar a sua empresa. O ideal é que você tenha educação financeira na sua casa, para estender essa gestão para sua empresa.

  1. Não discuta em frente aos clientes

Não existe nada mais chato de deselegante do que ter discussões em frente aos clientes. Essa situação é tão constrangedora que muitos clientes acabam não retornando a essa empresa para não ter que vivenciar isso novamente.

Sempre converse com funcionários, mesmo que forem membros da sua família, fora do horário de trabalho. Faça reuniões com eles e fale sobre os assuntos que estão prejudicando a sua empresa.

Mas, nunca queira lavar “roupa suja” em frente aos clientes. Essa situação pode te fazer perder muito dinheiro e muitos clientes.

  1. Se precisar, contrate um contador

No manual de como prevenir conflitos na empresa familiar é sempre importante buscar ajuda, se necessário. O contador é a pessoa que pode organizar tanto a sua vida financeira pessoal, quanto a vida financeira da sua empresa.

Se perceber que está perdendo o rumo das coisas, contrate um profissional qualificado para te ajudar. Ele irá te dar dicas que vão fazer com que você tenha um real retorno do seu investimento e consiga ter a tão sonhada liberdade financeira com o seu empreendimento.

  1. Ninguém tem privilégios

Outra coisa importante para aprender como prevenir conflitos dentro da sua empresa familiar, é não dar privilégios para nenhum membro da sua família.

Por exemplo, não faça adiantamento de pagamento para um funcionário e negue para outro. Isso pode gerar intrigas e fazer com que o clima empresarial fique completamente tenso.

Converse com todos os funcionários e ajude-os a organizar sua vida financeira, caso isso seja necessário. Como se trata da sua família você terá total liberdade de ensiná-los a como gerenciar o seu dinheiro, principalmente quando se trata de seus filhos e familiares mais próximos.

porSINLOPAR

Contrate ótimos funcionários pra sua lotérica

Contratar ótimos funcionários para sua empresa pode não ser uma tarefa fácil. Afinal, muitas pessoas chegam a lotérica sem indicação. Mas, existem dicas que podem te ajudar a observar quem serão os melhores funcionários para sua empresa.

Nem sempre aqueles que chegam com o currículo recheados de empregos anteriores são as melhores opções para sua lotérica. É importante lembrar que os funcionários não serão somente pessoas que estarão trabalhando para você, mas formarão um time juntamente com sua equipe.

Uma equipe unida pode trazer resultados incríveis nas vendas de bilhetes lotéricos. Por isso, é importante contratar pessoas que estejam dispostas a vestir a camisa da empresa e a arregaçar as mangar para realmente somar no seu time de vendas.

Dicas funcionais para contratar ótimos funcionários para sua lotérica.

  1. Defina o profissional que você procura

Antes de pensar em contratar ótimos funcionários para sua empresa, verifique quais são as reais necessidades da sua lotérica.

É importante analisar quais são os problemas que sua empresa está tendo para depois procurar um profissional. Por exemplo, se as vendas não estão sendo realizadas da forma que você gostaria, será que você precisa de mais operadores de caixa, ou será que você precisa de um gerente para organizar melhor os operadores que você já possui?

Converse com os seus funcionários e verifique qual o tipo de profissional precisa. E só depois anuncie a vaga.

  1. Peça indicações para sua equipe

A sua equipe já está treinada, já conhece o seu estilo de liderança e já sabe como funciona a sua lotérica. Não existe ninguém que indicaria melhor um funcionário do que sua própria equipe. Por isso, valorize as indicações e dê prioridade nas entrevistas para estas pessoas.

  1. Escolha o dia do processo seletivo

Para que nada te pegue de surpresa, escolha o dia mais sossegado da sua lotérica para realizar os processos seletivos.

Deixe alguém de confiança cuidando da organização e solucionando problemas enquanto você está fazendo entrevistas. Caso contrário você pode se distrair e acabar não dando atenção para um candidato que poderia ser um ótimo funcionário para sua lotérica.

  1. Motivo da demissão em serviços passados

É sempre importante verificar quais foram os motivos que levaram a demissão do funcionário no serviço anterior. Por isso, cheque sempre as referências dos candidatos que você estiver interessado.

Claro que todo mundo merece uma segunda chance. Mas, se o motivo da demissão envolve falta de ética de má índole este candidato com certeza não servirá para trabalhar na casa lotérica.

  1. Ouça mais do que fale durante a entrevista

Durante a entrevista peça para o candidato falar sobre ele mesmo, e ouça com atenção. Pode ser que nesse momento ele revele coisas sobre sua vida que nem percebeu que diria.

É importante ficar atento, ao observar o jeito do candidato você poderá perceber se ele irá se integrar facilmente a equipe ou não.

  1. Verifique se ele gosta de trabalhar em equipe

Para contratar ótimos funcionários para sua empresa é necessário saber se gostam de trabalhar em equipe, afinal na casa lotérica ninguém faz nada sozinho.

Mesmo os operadores de caixa que trabalham cada um em seu terminal, sempre precisam da ajuda de outras pessoas. Além disso, estarão em constante contato com o público e devem ser comunicativos e simpáticos.

Uma dica é promover dinâmicas em grupo, isso pode te ajudar a visualizar quem são as pessoas que conseguem maior interação com as outras, mesmo sem as conhecer. 

  1. Afinidade com tecnologias

Na casa lotérica o funcionário não precisa lidar com grandes formas de tecnologia, mas deve saber lidar com o computador. Afinal, não existe forma mais prática de fazer o registro de caixa do que utilizando sistemas próprias para lotéricas.

Por isso, dê preferência para pessoas que consigam utilizar o computador e digitar rapidamente os dados dos clientes. Isso irá facilitar na hora de fazer o treinamento deste funcionário.

  1. Primeiro emprego, porque não?

Nossa última dica é que você esteja aberto a dar oportunidade para os jovens que precisam de um primeiro emprego. Pode parecer que eles são inexperientes, mas eles têm a seu favor a força de vontade e a mente aberta.

Um jovem nunca esquece seu primeiro emprego e é agradecido para sempre. Por isso, se você der uma oportunidade com certeza terá um funcionário leal a seu lado.

Esperamos que essas dicas te ajudem a contratar ótimos funcionários para sua empresa. Dessa forma a sua lotérica será um local tranquilo e com um ótimo desempenho.