Arquivo de tag lucratividade

porNeimar Mariano Arruda

Você sabe quando uma lotérica é lucrativa?

Como saber o momento em que a lotérica atingiu ou atingirá o ponto de equilíbrio no mês?

Pela nossa experiência acumulada, é comum que a gente se depare com lotéricos que têm dúvidas quanto à rentabilidade de suas lotéricas. Não é por menos que muitos afirmam que “dá para sobreviver” com os seus negócios, embora não se possa afirmar que estão “muito bem de vida”.

Este não é um problema restrito a este grupo de empresários, mas um desafio nacional. Muitos não sabem responder a perguntas simples sobre a saúde financeira de suas empresas, como:

  1. Qual é o fluxo de caixa da empresa?
  2. Qual foi o faturamento mensal?
  3. Quais são os custos fixos e variáveis?
  4. Qual é o ROI (retorno do investimento)?

Algumas práticas recorrentes…

Muitos lotéricos estão sempre muito ocupados com as rotinas operacionais de suas empresas, resolvendo problemas, preocupando-se com o atendimento, com o estoque, tendo que solucionar problemas diários que vão desde a falta de um funcionário até a pane em uma das impressoras dos caixas.

Este dia a dia agitado e de muita correria termina distanciando este empresário das informações que ele precisa para poder analisar a performance do seu negócio. Este é um dos motivos que explicam o não conhecimento adequado sobre a rentabilidade da lotérica.

Todo empresário deseja ver a sua empresa crescendo e prosperando, com uma lucratividade cada vez mais robusta e sólida. Entretanto, a realidade de muitos é a velha rotina de enxugar gelo, misturada àquela sensação de que muito esforço é necessário apenas para se manter no mesmo lugar em que sempre esteve, sem grandes avanços.

Outra prática muito comum é a velha confusão patrimonial em que o lotérico confunde o seu patrimônio pessoal com o patrimônio da lotérica e acaba misturando tudo. Contas da família são pagas nas contas da empresa, dinheiro do caixa é retirado para sanar eventuais necessidades pessoais, o carro da família está em nome da empresa, esposa e filhos têm acesso ao dinheiro da sociedade, realizando saques na “boca do caixa” sem qualquer controle…

Quantas destas situações você consegue visualizar na vida de um legítimo empresário brasileiro? Quantas delas são típicas de uma empresa familiar?

E o que precisa ser feito?

Se o grande objetivo é o progresso da empresa, através de um processo de gestão mais eficaz, algumas boas dicas são:

Dica 01 – Separe o patrimônio e as contas pessoais do patrimônio e das contas da empresa. Uma excelente sugestão é estabelecer o valor de retirada mensal e obedecer o que foi determinado rigorosamente, proibindo retiradas ou saques seja por quem for.

Dica 02 – Descentralize algumas atividades. O lotérico não pode sustentar a postura de super-herói. Ele precisa descentralizar algumas tarefas para outros colaboradores. A justificativa é simples: ele precisa de mais tempo para analisar a situação financeira, tomar decisões importantes, e definir as diretrizes estratégicas da sua empresa.

Dica 03 – Aprimore os controles. Para saber qual é a realidade da sua lotérica, é preciso elevar a qualidade e a eficiência dos controles financeiros existentes. Precisamos substituir a intuição pela técnica. Uma excelente sugestão é a implementação de sistemas de gestão customizados, como é o caso do AGIL.

 

E quando uma lotérica é lucrativa?

Depois da implementação de grande parte das sugestões acima, propiciando maior controle e transparência por parte do lotérico, fica bem mais fácil responder à pergunta sobre a lucratividade da lotérica, já que os dados financeiros poderão ser encontrados no sistema.

Além da velha fórmula que subtrai os custos das receitas para encontrar o lucro do mês, o empresário não pode deixar de considerar a importância do capital de giro.

Neste ponto, devemos lembrar que a retirada de grandes somas de dinheiro, que pareciam ser o resultado ou o lucro da lotérica, pode colocar a empresa em apuros e com dificuldades de pagar os seus custos mais singelos, justamente por conta da má gestão do capital de giro.

Tudo isto nos permite afirmar, em conclusão, que uma lotérica é lucrativa quando alcança o seu ponto de equilíbrio financeiro, no qual os controles revelam a sua realidade, de modo que as receitas superam as despesas, além de haver capital de giro suficiente para que a mesma se mantenha segura para honrar os compromissos do mês seguinte, sem maiores dificuldades.

 

Quer melhorar a gestão da sua lotérica?
Conheça o único sistema de Gestão Blindado. O AGIL

 

 

 

Neimar Mariano de Arruda
Consultor Lotérico e Fundador da DouraSoft,
(67) 9.9698-3422

porNeimar Mariano Arruda

Quando uma casa lotérica é lucrativa?

Está em dúvida se a lotérica é lucrativa? Então, vamos te ajudar a sanar essa questão de uma vez por todas. A primeira coisa que precisamos discutir é que as casas lotéricas são sem dúvida um negócio lucrativo. Isso porque trata-se de um dos investimentos que oferecem menor risco possível, afinal você tem certeza de que a Caixa Econômica não vai falir e você sempre poderá ter a sua empresa.

Mas, o problema é quando muitos empresários acabam não conseguindo administrar direito os seus negócios. Até mesmo um investimento lucrativo como uma lotérica pode apresentar problemas quando há uma má gestão.

Se você está querendo saber se o seu negócio realmente está indo para frente, veio ao lugar certo! Iremos discutir sobre esse assunto.

Será que sua lotérica é lucrativa?

Abrir uma empresa nunca é uma tarefa fácil, se você acabou de abrir sua casa lotérica e ainda não sabe se ela é lucrativa, precisa ter em mente algumas dicas que vão te ajudar.

A primeira coisa que você precisa saber é que o retorno do seu investimento não é imediato. Dependendo de onde a sua empresa fica e de como você abriu esta lotérica, o retorno do seu investimento pode demorar 1 ano para aparecer.

O tempo de retorno do investimento não é alto se comparado com outras franquias. Mas, para saber se sua lotérica é lucrativa não basta vender produtos e oferecer serviços. É preciso saber gerenciar o seu negócio.

Veja a seguir algumas dicas para você saber se o negócio que abriu realmente é rentável:

  1. Analise as despesas

Quais são os gastos reais da sua empresa? Para saber se sua lotérica é lucrativa, é importante ter certeza que não está operando no vermelho. Ou seja, que não está gastando mais do que ganha.

Por isso, mantenha o fluxo de caixa sempre atualizado, esteja sempre atendo se as contas empresariais estão sendo pagas em dias e se você não está misturando contas pessoais com despesas empresariais.

  1. Faturamento da empresa

O faturamento real da sua empresa está sendo suficiente para pagar as despesas e ainda sobrar dinheiro para você investir em benefícios para sua lotérica? Uma empresa precisa trabalhar com dinheiro suficiente para se manter e para lidar com gastos extras.

Toda empresa precisa ter um dinheiro reserva para solucionar problemas que possam aparecer. Por exemplo, se um dos seus terminais quebrar e uma das suas máquinas parar de funcionar, você irá deixar o terminal fechado? É necessário ter uma reservar para solucionar esse problema.

  1. Pagamento dos funcionários

Quando uma lotérica é lucrativa o pagamento dos funcionários acontece sempre em dia. Afinal, a casa lotérica não é um comércio que aceita pagamento parcelado ou que os clientes façam compras fiado.

Isso significa que a comissão que a Caixa paga com certeza virá todo o mês para a casa lotérica. Se você não está conseguindo pagar os funcionários algo está acontecendo!

Verifique quantos bilhetes e serviços você presta por dia e depois veja se isso é compatível com o fechamento do seu caixa.

Garanta que não esteja gastando com coisas desnecessárias dentro da casa lotérica. Isso também pode fazer o dinheiro evaporar.

  1. Calculando o lucro

Calcular o lucro da sua lotérica não é difícil, a conta é simples: você irá subtrair os custos operacionais da sua lotérica pela receita que você obteve.

Se você perceber que o salto é negativo com certeza tem um problema sério. Afinal, para quem tem uma casa lotérica o saldo deve ser sempre positivo.

Para resolver esses problemas você pode contar com o auxílio de um profissional contados. Ele irá verificar o que está acontecendo para que sua empresa esteja perdendo tanto dinheiro.

  1. Lotéricas familiares

A sua empresa é familiar? Isso pode trazer um conforto, pois trabalhar em família pode ser agradável. Mas, também pode fazer com que você perca dinheiro se não souber administrar o seu negócio.

Você pode saber se sua lotérica é lucrativa quando ninguém pega dinheiro do caixa para pagar contas pessoais. Normalmente quando a empresa é familiar, se há uma despesa em casa logo pensam em pegar dinheiro do caixa. Mas, para você ter certeza do lucro da sua lotérica esse dinheiro não deve ser subtraído do caixa da sua empresa.

Tenha sempre contabilizado as contas pessoais e empresariais e separe-as muito bem. Oriente sua família a fazer o mesmo.

 

 

Neimar Mariano de Arruda é Administrador de Empresas, Consultor Lotérico
Especialista em Governança de Tecnologia da Informação e Fundador da DouraSoft
(67) 9.9698-3422