Categoria Notícias

porAdriane

CONVOCAÇÃO – ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA

SINDICATO DOS EMPRESÁRIOS LOTÉRICOS DO ESTADO DO PARANÁ – SINLOPAR

Convocamos todos os lotéricos do Estado do Paraná  FILIADOS E NÃO FILIADOS  para comparecerem á Assembléia Geral Extraordinária  que será realizada.

DIA   22/09/2018   –  SÁBADO
HORÁRIO :  8:30 PRIMEIRA CHAMADA
9:00  SEGUNDA CHAMADA
LOCAL:   RESTAURANTE DOM ANTONIO
AV. MANOEL RIBAS 6121 – STA FELICIDADE – CURITIBA 

Sendo a ordem do dia:

– Explanação e tomada de decisão sobre as conseqüências danosas ao canal físico Lotérico,com a implantação dos jogos on-line(internet) pela CAIXA, a revelia dos empresários lotéricos.

– Formalização da GUIA PATRONAL ASSISTENCIAL ( inclusão no Estatuto);

– Outros assuntos de interesse da categoria.

Sua participação será de fundamental importância. Contamos com  sua presença.

Atenciosamente

ALDEMAR MASCARENHAS
PRESIDENTE

 

Obs.: O Sinlopar disponibilizará ônibus, comunicaremos o  itinerário e todas as demais informações oportunamente!

Previsão de encerramento 17 horas , precisamos reservar o almoço , confirme sua presença! 

porAdriane

Febralot e Frente Parlamentar de Apoio aos Lotéricos traçam novas estratégias

Em trabalho realizado em Brasília nesta terça-feira 04 de setembro, a diretoria da Federação Brasileira das Empresas Lotéricas esteve com os líderes da Frente Parlamentar de Apoio aos Lotéricos, os deputados Luiz Carlos Hauly (PSDB-PR) e Goulart (PSD-SP).

O encontro teve como objetivo encontrar soluções para que haja uma consolidação dos trabalhos da Categoria para o futuro, já que com a chegada das apostas online as dificuldades dos empresários do setor tendem a crescer.

Entre as diferentes ideias debatidas, houve um consenso de que é necessário que se faça um Projeto de Lei que regularize com mais equilíbrio os direitos do empresário lotérico através de sua relação com a gestora Caixa Econômica Federal. Para que isto se fundamente, a estratégia buscará a elaboração de um Marco Regulatório dos Lotéricos.

Confira no vídeo a seguir o que dizem as lideranças. https://youtu.be/4cqrWbI66_M

O trabalho continua de lado a lado. Continuem confiando em suas entidades representativas.

A diretoria

porAdriane

Convênio  Comunicação Visual

O SINLOPAR efetivou um convênio para os Lotéricos  FILIADOS de todo o Paraná,    com  RENATO TIDRES – Comunicação Visual,  com tabela promocional e diferenciada para os FILIADOS.

 

Placa de Sorteio Hoje

50×100 cm – R$ 400.00

Incluso placas para manutenção

Super resistente e durável

Fácil de limpar

Placa de jogos

Em 2 tamanhos:

50×100 cm R$ 400.00

60×130 cm R$ 550.00

Incluso números para manutenção

Super resistente e durável

Adesivo impresso em alta resolução, com proteção que facilita a limpeza

Esses valores são para os FILIADOS.

Para os que não são filiados:

50x100cm R$ 475.00

60x130cm R$ 625.00

 

RENATO TIDRES – Comunicação Visual

 41  99914-0705 

 

porAdriane

Relatório de atividades em Brasília dias 21 e 22 de agosto

No dia 21/08 a FEBRALOT, Caixa Econômica Federal e presidentes dos sindicatos estaduais reuniram-se em Brasília para debater a respeito dos transporte de valores. A reunião transcorreu como segue:

Transporte de Valores: (adicional)

Hoje o custo médio investido pela Caixa mensalmente é de R$25.6 milhões distribuído entre 7.865 lotéricas, que fazem jus a este adicional.

 

Acesse o link e leia tudo que transcorreu na reunião.

Relatório de atividades em Brasília dias 21 e 22 de agosto

 

porAdriane

Informe sobre o Aditivo Contratual

Senhores(as) Empresários(as) Lotéricos(as),

A FEDERAÇÃO BRASILEIRA DAS EMPRESAS LOTÉRICAS – FEBRALOT, assinou TERMO DE COMPROMISSO com a CAIXA para que esta fizesse a inserção dos termos aditivos ao Contrato de Adesão Para Comercialização das Loterias Federais, vigentes. Esses termos compreendem os itens aprovados pela e para a categoria, relativos à remuneração de serviços prestados pelas empresas lotéricas como Correspondente e dos adicionais, em contrapartida ao arquivamento definitivo do projeto de lei que tramitava no Senado (PLC n.º 001/2018).

A segunda etapa desse ajuste é a complementação contratual das condições pactuadas no Termo de Compromisso, as quais dependem de formalização com a assinatura de cada empresa lotérica do Termo Aditivo ao contrato de adesão, em razão da relação jurídica contratual individual mantida por cada uma com a CAIXA.

Para dirimir eventuais dúvidas, apresentamos os seguintes esclarecimentos:

TARIFAS E ADICIONAL

– Consta expressamente tanto do termo de compromisso quanto do termo aditivo, que os valores novos de tarifa e adicional serão retroativos a 02 de maio de 2018, os quais já estão sendo repassados pela CAIXA, conforme foi negociado pela FEBRALOT.

 

REVISÃO DA TARIFA MÉDIA PONDERADA

– A menção à tarifa média ponderada trata-se de termo técnico para efeito/método de cálculo, adotado pela CAIXA e não houve exclusão de nenhum serviço prestado nem da comercialização de qualquer produto para efeito dessa revisão.

 

APURAÇÃO DE CUSTOS PARA REAJUSTE DAS TARIFAS

– É necessário que todo reajuste esteja sempre subordinado a um período de apuração, neste caso, anual, contado a partir de 2018.

– A apuração de custo é feita por uma média de custos das ULs, e com base em informações obtidas junto à estas empresas, que devem ser comprovadas, documentadas e de cunho também contábil, considerando, inclusive, o volume de transações. O cálculo será por uma média, e em fornecendo dados com melhores desempenho estes serão considerados no todo e não isoladamente, mesmo porque as tarifas são pagas em um valor único para todos, seja antes ou depois da assinatura do termo de compromisso ou do termo aditivo.

– Vale destacar que as Unidades Lotéricas são empresas que recebem tarifas por um serviço prestado conforme contrato, não se apresentando como “empregados” para receber algum “ganho” pela sua produção/produtividade.

 METODOLOGIA E CÁLCULO

– A FEBRALOT irá acompanhar toda a metodologia de apuração do cálculo de custo e, caso perceba neste processo, qualquer divergência que possa prejudicar a Categoria, questionará junto à Caixa fundamentando através de estudos técnicos comprobatórios a fim de que a lisura e transparência sejam sempre mantidas.

 CONCLUSÃO DA APURAÇÃO

– A conclusão da apuração do período do ano anterior deverá ser implantada até o mês de julho do ano seguinte. Caso haja atraso, se fará com os pagamentos retroativos.

– Destacamos que, quanto maior for a agilidade da UL em fornecer as informações solicitadas, mais rápida a conclusão da apuração de cada ano.

– Este sistema é normalmente utilizado junto às concessionárias e transportadoras de valores e por sua eficácia também será adotado para os interesses da Categoria.

POSSIBILIDADE DE SE RETIRAR O PRODUTO DO CANAL LOTÉRICO PELA CAIXA

– Independentemente da FEBRALOT ter assinado o Termo de Compromisso ou da UL assinar o Termo Aditivo, qualquer decisão com relação à possibilidade de rescisão de eventuais convênios assinados pela CAIXA com terceiros, é TOTALMENTE DA CAIXA, com a parte contratada. Entretanto, com a assinatura do Termo, se houver uma perspectiva de retirada de um produto conveniado do canal lotérico, haverá, por consequência uma negociação entre a FEBRALOT e a CAIXA em busca de uma alternativa viável.

A FEBRALOT entende que a assinatura do Termo Aditivo ao Contrato de Adesão é bastante positiva para formalizar as condições amplamente negociadas, mesmo porque esta assinatura não representa renúncia de direitos, podendo, aquele que não estiver satisfeito com os direitos coletivamente negociados, de acordo com a decisão democrática da maioria, buscar o que entender de direito na Justiça de maneira individual.

O trabalho continua. “Lotéricos Valem Mais

Atenciosamente,

           Diretoria da FEBRALOT

 

 

porAdriane

Convênio Sinlopar – Verisure Brasil.

Convênio Verisure

                O SINLOPAR efetivou um convenio para os FILIADOS de Curitiba e Região Metropolitana, com a empresa VERISURE equipamentos de segurança.

                Os Lotéricos receberão a visita dos especialistas em segurança da Empresa Verisure, com tabela promocional e diferenciada para os FILIADOS.

 

No link abaixo verá como funciona nosso equipamento.
 
Acesse o link e veja os valores  e demais informações:
Johny Pereira
Supervisor de vendas
VERISURE BRASIL – CURITIBA
(41) 99276-2636
porAdriane

INFORME FEBRALOT – Aditivo contratual, pagamento retroativo, adicional de segurança e seguro.

Na quarta feira dia 18 a reunião foi na GERPA.

Entre os temas discutidos o primeiro foi o termo aditivo aos contratos que garantirá a revisão e atualização anual das tarifas da Categoria. O aditivo está pronto e muito em breve a Rede Lotérica o estará recebendo para assinatura.

ACESSE O LINK LEIA  NA INTEGRA::

 

INFORME FEBRALOT 17 e 18 de julho

 

porAdriane

Febralot participa de audiência pública sobre convênios de energia elétrica em Pernambuco.

O presidente da Febralot, Jodismar Amaro foi convidado pelo deputado Jose Stédile (PSB – RS), presidente
da Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara dos Deputados a participar da composição da mesa da audiência
pública destinada a debater a “decisão tomada pela Caixa Econômica Federal (CEF) e pela Companhia Energética de
Pernambuco (Celpe/Neoenergia) em não renovar o contrato anteriormente firmado, inviabilizando, assim, o
pagamento das contas de energia por meio de casas lotéricas no Estado de Pernambuco”.

 

ACESSE O LINK E LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA.

Febralot participa de audiência pública sobre convênios de energia elétrica

porAdriane

SINLOPAR assina convênio com a APCEF-PR

Os lotéricos da Caixa farão parte do quadro associativo da APCEF-PR, na categoria contribuinte. O presidente da associação, Vilmar Smidarle, assinou convênio com o presidente Aldemar Mascarenhas, do Sindicato dos Empresários Lotéricos do Estado do Paraná (Sinlopar) nesta terça-feira (26 de junho), para que esse grupo também possa usufruir da estrutura da entidade.

“Temos afinidades com os lotéricos e os correspondentes bancários, que também são como a extensão da Caixa e contribuem com importante parcela na prestação de serviços essenciais à sociedade. Essa parceria é importante para ampliarmos laços de relacionamento e oferecer o que a associação dispõe de atividades e instalações no Paraná”, avaliou Vilmar Smidarle. Antes da assinatura do acordo, ele fez breve explanação sobre como funciona a APCEF e exibiu vídeo institucional.

Basicamente, o convênio prevê o uso das sedes da associação por empresários lotéricos filiados à Sinlopar, de acordo com os preceitos estatutários relacionados aos contribuintes. O benefício inclui o valor da mensalidade da categoria e da joia de admissão de sócios efetivos. “A APCEF-PR cresceu muito nos últimos anos e temos eventos a quase todo momento”, informou o diretor de Comunicação, André Baú, que estava presente e intermediou a parceria.

Para o presidente do Sindicato, a assinatura do convênio representa a oportunidade dos lotéricos se juntarem à APCEF-PR, como opção de lazer para si e seus familiares. “As duas entidades têm o mesmo DNA da Caixa e a proximidade entre elas cria a possibilidade de nossos associados se divertirem em festas ou outras atividades, inclusive esportivas. Além do trabalho, precisamos ter momentos de descontração”, afirmou Aldemar Mascarenhas, que estava acompanhado da diretora Financeira da Sinlopar, Ieda Bonatto.

Atualmente, o Sindicato dos Empresários Lotéricos tem cerca de 400 filiados no Paraná e sede administrativa em Curitiba. O presidente Aldemar aponta a luta pela melhoria das condições de trabalho da rede lotérica no estado e a missão de proporcionar serviços de qualidade à sociedade, como principais objetivos da entidade.

Como participar
Para usufruir do benefício, os associados da Sinlopar podem conversar com a equipe de atendimento da APCEF-PR. Os contatos são:vendas1@apcefpr.org.br/tel. 3016-7149 (Marilis) e vendas2@apcefpr.org.br/tel. 3016-7402 (Julyana).

Clique aqui e saiba detalhes sobre o regulamento da campanha de associação dos lotéricos.

 

 

porAdriane

Informe Febralot – Aditivo contratual, transporte de valores e seguro são alguns dos temas de discussão da Caixa com a Febralot

Aditivo contratual, transporte de valores e seguro são alguns dos temas de discussão da Caixa com a Febralot

A diretoria da Febralot e os executivos da Caixa (GERPA), conjuntamente com seus corpos jurídicos estiveram reunidos em Brasília nos dias 19 e 20. Diversos temas importantes para a Categoria foram tratados. Confira a seguir:

Aditivo contratual

Já foi finalizado o texto final do aditivo contratual que contempla os termos do acordo com a Caixa Econômica Federal determinado após a pesquisa de opinião junto à Rede Lotérica. Agora a CAIXA deve formatar o texto para encaminhar aos empresários lotéricos a fim de coletar as assinaturas.

Transporte de valores

As variações regionais são o ponto determinante para as discussões sobre este tema. Enquanto alguns empresários lotéricos recebem valores superiores ao que gastam com transporte de valores, em outros locais empresários recebem abaixo de sua despesa neste quesito. Essas particularidades fazem com que as discussões de prolonguem em busca de um novo modelo de pagamento sem beneficiar somente uma parte dos interessados.

Existem duas propostas sendo tratadas. Uma, por parte da Caixa, onde a remuneração seria feita por transações onde quem recebe mais contas teria direito a um valor maior. Outro método, sugerido pela Febralot, destinaria ao empresário lotérico um ressarcimento integral após pagar o transporte de valores. Esse ressarcimento viria de sua agência de vinculação, e evitaria prejuízos na totalidade dos que utilizam o transporte de valores.

A Caixa fará um estudo das duas possibilidades e suas implicações jurídicas e no próximo encontro com a diretoria da Febralot deve apresentar suas considerações.

A Febralot solicitou que fosse criado um novo adicional para cobertura do custeio do “cofre inteligente” que entrou em pauta para próxima reunião.

Seguro

Levando-se em conta de que o seguro de valores praticado junto às Unidades Lotéricas muitas vezes tem a cobertura muito inferior ao valor sinistrado, este tema também foi destacado com preocupação pela Febralot. A Federação destacou que as seguradoras buscam bater suas metas propondo valores absurdos nas apólices. A GERPA estuda uma planilha de cálculos onde os próprios empresários podem saber antecipadamente os valores sem interferência das seguradoras. Foi sugerido também que os valores segurados pudessem subir escalonadamente ao longo dos próximos anos.

Pagamento retroativo

A Federação questionou qual a data para o referido pagamento das diferenças. Até o fim da reunião ainda não estava estabelecida, porém foi confirmado que já neste decêndio o valor das tarifas será calculado com base no acordo.

Projetos de Lei no Congresso Nacional

Como o número de Projetos de Lei que buscam a retirada de valores das loterias para custeio de outros setores econômicos tem aumentado no Congresso, a Febralot questionou os riscos para a Categoria em reunião com a GERPA e SUALO. Segundo a Federação, está evidente que ministérios e secretarias vêem na arrecadação das loterias uma fonte para seus interesses. Em contrapartida, as entidades que já possuem algum percentual desta origem não querem abrir mão desta receita. Assim, há projetos que visam a retirada de valores das premiações (tornando as loterias menos atrativas) ou das despesas de custeio (onde afetaria a Rede Lotérica).

A Febralot apresentou para a Caixa e pretende apresentar aos parlamentares uma proposta que crie novas modalidades para atender estes anseios ao invés de prejudicar as loterias existentes. Desta forma, as loterias que já estão para serem lançadas já contemplariam uma distribuição diferente das atuais com o cuidado de preservar um prêmio atrativo e manter o custeio no percentual atual.

SUPERSETE

Uma nova modalidade de jogo que já vem em discussão há algum tempo e é de grande interesse para a Categoria que seja implantado este ano. Foram apresentadas sugestões e o impasse ainda está por conta das apostas múltiplas, que propiciam bolões. Os acertos finais devem vir em breve e acredita-se que será uma loteria com bastante aceitação caminhando ao sucesso junto das demais.

Fim dos convênios com empresas de energia

Em reunião específica com os sindicatos do nordeste, parlamentares, Caixa e Febralot, este foi um tema de grande preocupação. Este é um problema regional mas que deve ser controlado para que não se torne uma questão nacional.

A Caixa, com a fundamentação nos reajustes junto à Rede Lotérica deste 2017 mais os adicionais de segurança está realizando uma readequação dos seus valores junto às empresas de energia. Por conta disso, muitas delas estão cancelando os convênios. Está marcada com os parlamentares uma audiência pública em Brasília dia 03 de julho para discutir esta questão com a presença e audição de todas as áreas envolvidas.

A Febralot não aceitará redução nas tarifas dos lotéricos visto que já foi muito difícil chegar a este ponto após o acordo com a gestora. Segundo a Federação, qualquer negociação neste sentido seria um retrocesso e não faz parte da estratégia de trabalho pela Categoria. Além disso, retroceder para algumas companhias geraria um efeito cascata em futuras negociações.

Outra questão importante decorrente deste fato é que muitas empresas estão criando redes próprias de recebimento que não operam nas mesmas regras e condições que a Rede Lotérica proporciona como segurança, acessibilidade, guichês preferenciais e recolhimento de impostos. Estes fatores devem ser abordados também na audiência pública em questão.

A Febralot vem trabalhando conforme seu método de buscar os interesses coletivos para a Categoria, sempre trabalhando pela maioria. Os desafios são muitos e continuam. Contamos com a compreensão de todos para alcançarmos novas vitórias. Lotéricos Valem Mais.